Começa 3ª votação para eleger novo presidente

Ex-presidente Giorgio Napolitano vota para escolher seu sucessor (foto: ANSA)

Ex-presidente Giorgio Napolitano vota para escolher seu sucessor (foto: ANSA)

Começou agora há pouco a terceira votação em sessão conjunta do Parlamento italiano para eleger o próximo presidente do país.

 Como nas duas anteriores, o candidato precisa obter ao menos dois terços dos votos (673, de um total de 1.009) para ser escolhido. No entanto, a eleição deve terminar novamente sem um vencedor, já que a base aliada do primeiro-ministro Matteo Renzi votará em branco.

 Isso porque a partir do quarto escrutínio, que acontecerá neste sábado (31), o número necessário para eleger o chefe de Estado cai para 505. O sufrágio é secreto e a contagem dos votos é feita publicamente.

 Segunda votação

 Os parlamentares italianos retomaram nesta sexta-feira (30) a votação que tenta eleger um novo presidente para o país, após a renúncia de Giorgio Napolitano. A votação desta manhã foi a segunda tentativa e terminou sem um vencedor.

 O mais votado hoje foi o magistrado Ferdinando Imposimato, apoiado pelo oposicionista Movimento 5 Estrelas (M5S), com 123. Em seguida, apareceram Vittorio Feltri (51), Luciana Castellina (34), Emma Bonino (23) e Stefano Rodotá (22). Além disso, 531 Parlamentares votaram em branco, e outros 26 anularam suas opções.

O juiz da Corte Constitucional Sergio Mattarella, apoiado pelo governista Partido Democrático (PD), do primeiro-ministro Matteo Renzi, recebeu apenas quatro votos. Contudo, o premier já havia orientado a sigla a votar em branco nos três primeiros escrutínios, quando é mais difícil eleger o novo presidente.

Fonte: Ansa Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *