Polícia Civil resgata mulher sequestrada em Poços de Caldas

image1 (6)A Polícia Civil de Minas Gerais resgatou durante operação, na noite de ontem (28), Renata Barbosa Schultz da Silva, de 48 anos. Ela foi levada de casa, na última terça-feira (19), no bairro Estância Poços de Caldas. Cinco pessoas responsáveis pelo crime foram presas pela polícia.

De acordo com as investigações, os suspeitos pediram um resgate de R$ 800 mil, que não foi pago. Após ser acionada, a Polícia Civil prestou as primeiras orientações à família da vítima e, mediante diligências, conseguiram localizar onde Renata era mantida em cárcere privado. Ela foi resgatada por volta das 22h de quinta-feira (28), sem ferimentos.

Durante a ação policial, foram presos Aguinaldo da Silva, Aguinaldo da Silva Filho, Cloves Alberto Teixeira, Marciano Vítor e Geziel Gabriel Nanini.

Ameaça

Por volta das 14h da quinta-feira (28), a vítima recebeu um chamado pelo interfone de sua residência. Um indivíduo perguntou a ela se o marido de Renata se encontrava em casa, pois precisava de conserto em um motor elétrico. Renata respondeu que o marido não se encontrava e não iria em casa almoçar. Após desligar o interfone, o filho da vítima, Jerônimo Schultz da Silva, ouviu um forte barulho e encontrou na varanda da residência a mãe sendo levada à força por dois indivíduos. Ao verem Jerônimo, os suspeitos, armados, o ameaçaram a ficar dentro da residência e colocaram Renata no banco traseiro de um veículo.

O filho da vítima chegou a receber duas ligações dos suspeitos. Em uma delas, a mãe pedia que a polícia não fosse acionada. Testemunhas chegaram a visualizar dois veículos passando pela rua, sendo um deles um Chevrolet/Celta, prata. O carro foi rastreado pelos policiais, que descobriram se tratar do mesmo utilizado para o sequestro. Dois dos suspeitos foram identificados e presos no mesmo dia e os demais, nesta sexta-feira (29).

Polícia Civil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *