Cinco pessoas morrem em acidente de trânsito na BR-381

Imagem: Divulgação / Corpo de Bombeiro

Imagem: Divulgação / Corpo de Bombeiro

O ônibus vinha da cidade de Princesa Isabel no Estado da Paraíba, até a Serra de Igarapé, que fica entre os municípios de Igarapé e Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte. O capotamento do veículo matou cinco pessoas na manhã deste domingo (20).

A viagem com destino a São Paulo teve início às 14h na sexta-feira (18). Entre as vítimas fatais estão mãe e filha, uma grávida que deu a luz no momento do acidente.Porém, a mãe e o bebê não sobreviveram aos ferimentos e morreram no local. A quinta vítima é um homem, que também não teve a identidade revelada até o momento. As informações são do site de notícias O Tempo.

Cerca de 40 pessoas estavam no ônibus, número que ainda não foi confirmado pelas autoridades.

Fonte: O Tempo

Uma resposta a Cinco pessoas morrem em acidente de trânsito na BR-381

  1. Ingrid Bezutti disse:

    . Na madrugada do dia 20 eu e minha família estávamos voltando de Belo Horizonte quando nos deparamos com um ônibus passando pela gente e logo após a curva um cheiro de borracha queimada e crianças gritando , fizeram meu pai e um motorista de um outro carro parar , eles apagaram o começo de incêndio do ônibus , chamamos o resgate e eles dois tiraram todas as vítimas do ônibus . Haviam muitas crianças chorando , pessoas com fraturas expostas e ferimentos . Demos água pra todos os feridos , colocamos os mesmos deitados no chão enquanto esperávamos o resgate chegar . Meu pai e o outro motorista arrancaram o tampão do ônibus e conseguiu salvar todas as pessoas por ali . Haviam duas pessoas mortas na hora , uma menina pequena jogada na valeta é uma moça embaixo do ônibus . Fizemos tudo o que conseguimos fazer , acalmamos os que estavam com ferimentos leves , demos água , apagamos o fogo e resgatamos todos de dentro do ônibus até que o resgate chegasse . Gostaria muito de saber como estas pessoas estão , pois somos de São Paulo e não temos como ir nos hospitais onde as mesmas estão internaras , gostaria de algum tipo de informação ou até mesmo telefone para que pudéssemos entrar em contato .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *