Brasil avança com três duplas masculinas à fase eliminatória na Polônia

Brasil avança com três duplas masculinas à fase eliminatória na PolôniaO Brasil classificou três duplas do torneio masculino à fase eliminatória do Grand Slam de Olsztyn, realizado na Polônia. Na manhã desta sexta-feira (28), Alison e Bruno Schmidt (ES/DF), Ricardo e Emanuel (BA/PR) e Pedro Solberg/Evandro (RJ) venceram seus jogos pela última rodada da fase de grupos e se garantiram na próxima fase da competição.

Os campeões mundiais terminaram na liderança do grupo A e já estão nas oitavas de final, enquanto os outros dois times brasileiros ficaram em segundo nos seus grupos e terão que disputar a repescagem. As duas fases, assim como as quartas de final, acontecem neste sábado (29), com semifinais e disputas de medalha reservadas para domingo.

Alison e Bruno Schmidt (ES/DF) venceram os canadenses Josh Binstock e Sam Schachter. por 2 sets a 0 (21/17 e 21/19), em 39 minutos, e avançaram diretamente às oitavas de final. Eles encaram os holandeses, que não terão que disputar a repescagem por conta da lesão dos adversários, os espanhóis Herrera e Gavira.

Os campeões brasileiros Ricardo e Emanuel, também em dois sets diretos, venceram Jake Gibb e Casey Patterson (29/27 e 21/14), dos Estados Unidos, em 45 minutos. Na próxima fase eles enfrentam os atuais campeões dos Jogos Pan-Americanos, os mexicanos Juan Virgen e Lombardo Ontiveros, por vaga nas oitavas de final. É o primeiro encontro das duplas.

“Brasil contra Estados Unidos é sempre um jogo muito bom. Houve provocações durante o jogo, gritamos bastante e conseguimos colocar muita força. O placar foi um bom resultado para a gente, saímos em segundo lugar na nossa chave”, disse Emanuel após a partida.

Desenvoltos na partida, Ricardo e Emanuel tiveram o apoio total da torcida e a tranquilidade necessária para fechar o jogo. “O mais importante foi a gente ter se divertido na partida. Os americanos tem essa característica de provocar o time adversário, mas isso nos deu tranquilidade para nos divertirmos. Nosso jogo fluiu, e tudo começou a dar certo, o saque, a defesa, os bloqueios. Acho que esse foi o diferencial, jogar em alto nível e ao mesmo tempo se divertir”, analisou o baiano Ricardo após a vitória.

Já os cariocas Evandro e Pedro Solberg superaram os italianos Paolo Nicolai e Daniele Lupo por 2 sets 0 (21/17 e 22/20), em 45 minutos. Eles enfrentarão na repescagem os vice-campeões mundiais Reinder Nummerdor e Christiaan Varenhorst. O encontro entre os dois times está empatado com uma vitória para cada lado. O time vencedor enfrenta nas oitavas os alemãs Erdmann/Matysik nas oitavas de final.

Os times vencedores da etapa de Olsztyn nos dois gêneros somam 800 pontos no ranking do Circuito Mundial e garantem um prêmio de 57 mil dólares. Ao todo, 400 mil dólares são distribuídos aos atletas em cada um dois gêneros. Após a etapa, o tour segue para o Open do Rio de Janeiro, que será realizado de 2 a 6 de setembro, na Praia de Copacabana, com entrada franca ao público.

Fonte: CBV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *