Saúde intensifica ações de conscientização sobre DSTs no Carnaval

???????????????????????????????Durante o ano inteiro, a Secretaria Municipal de Saúde trabalha no sentido de conscientizar a população e prevenir doenças, mas na temporada de Carnaval as ações de promoção à saúde são intensificadas com a distribuição de preservativos e orientações às pessoas que estarão nas ruas. Uma das preocupações são as doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), como Aids, sífilis, hepatites virais, entre outros.

Durante os dias de folia, a Prefeitura de Uberlândia, por meio do Programa Municipal DST/AIDS – Ambulatório Herbert de Souza, e o Grupo Shama farão ações de prevenção com abordagens individuais, distribuindo preservativos masculinos e femininos, géis lubrificantes e folders educativos. As ações também contam com parceria do Núcleo de Diversidade Sexual (NUDS), a Gerência Regional de Saúde de Uberlândia (GRS / SES-MG) e a RNP+ (Rede Nacional de Pessoas Vivendo e Convivendo com HIV/Aids – Núcleo Uberlândia) para levar informação aos foliões para aproveitarem as festas sem descuidar da saúde.

A Blitz Itinerante de Prevenção irá agir nos ensaios das escolas de samba, nas marchinhas dos antigos carnavais, no baile de máscaras do Mercado Municipal e na passarela do samba, durante os desfiles das escolas.

Além da prevenção, a pessoa que suspeita ser portador do vírus HIV pode procurar o Ambulatório Hebert de Souza para fazer a testagem e o acolhimento para um diagnóstico precoce. Segundo a coordenadora do Ambulatório, Luciane Moura Andrade, quanto mais rápido o diagnóstico, mais eficaz o tratamento e a profilaxia pós-exposição (PEP). “A PEP é um procedimento que evita a proliferação do vírus HIV caso o medicamento seja tomado em até 72 horas após a exposição ao vírus, como nos casos de sexo desprotegido”, explica. São 28 dias consecutivos de uso de medicamentos antirretrovirais.

O Ambulatório também disponibiliza tratamento contra as demais DSTs tratáveis e os pacientes contam com acompanhamento multidisciplinar, com uma equipe de infectologistas, ginecologistas, urologistas, pediatra, clínico geral, nutricionista, psicóloga, odontologista, enfermeiros e assistentes sociais para oferecer os cuidados necessários. O atendimento é oferecido para a população em geral de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30, em que o teste é realizado e em 30 minutos a pessoa sai com o laudo em mãos. Durante os fins de semana, a unidade de referência é a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) Roosevelt.

Números

Em 2015, o Brasil registrou 81 mil brasileiros que começaram a se tratar, um aumento de 13% em relação a 2014, quando 72 mil pessoas aderiram aos medicamentos. Dos brasileiros adultos vivendo com HIV e Aids, 91% que estão em tratamento há pelo menos 6 meses já apresentam carga viral indetectável no organismo, ou seja, estão reagindo aos medicamentos.

Em Uberlândia, são 3.062 casos de HIV notificados de acordo com os dados fornecidos pela Vigilância Epidemiológica e em 2015 foram realizados cerca de 3 mil testes rápidos no Ambulatório. A principal faixa etária de pessoas que buscam o teste é de 17 a 34 anos, mas houve um aumento considerável de procura da população idosa no último ano.

Serviço:

Ambulatório DST/AIDS – Herbert de Souza

Endereço: Rua: Avelino Jorge Nascimento, 15 – Bairro Roosevelt

Telefone: 3215-2444

Funcionamento: 8h às 16h30 de segunda a sexta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *