Dentil/Praia Clube não resiste ao líder Rexona/Ades, no RJ

Gabi foi a maior pontuadora do jogo  Gabi foi a maior pontuadora do jogo (Foto: Alexandre Arruda/CBV)

Gabi foi a maior pontuadora do jogo
Gabi foi a maior pontuadora do jogo (Foto: Alexandre Arruda/CBV)

O Dentil Praia Clube (MG) perdeu para o Rexona-Ades (RJ), em partida nesta sexta-feira, 6 de março, em 1h59 de jogo, no ginásio do Tijuca, no Rio de Janeiro.

O time carioca garantiu o primeiro lugar na fase de classificação da Superliga feminina de vôlei 14/15. A partida terminou em 3 sets a 1 (25/20, 25/20, 22/25 e 25/21), para o time da casa. Com o resultado, o Rexona conquistou a 22ª vitória consecutiva e não pode mais ser ultrapassada até o término do returno.

A ponteira Régis brilhou no confronto, marcou 19 pontos e ficou com o Troféu VivaVôlei. A atacante Gabi foi a maior pontuadora do duelo, com 21 acertos. Pelo lado do time de Uberlândia-MG, a oposto Daymi Ramirez , com 20 pontos, e Tandara, com 19, foram os destaques.

Para a atacante Régis, a equipe carioca fez um bom papel diante da sua torcida e agora precisa trabalhar ainda mais para os próximos desafios.

“Conseguimos a vitória e garantimos o primeiro lugar na fase de classificação. Agora, temos que seguir trabalhando forte para os próximos confrontos. Vamos enfrentar na sequência o Sesi-SP e o Molico/Nestlé, dois adversários difíceis. Ainda temos muito o que melhorar, principalmente na recepção, para jogarmos com mais velocidade”, afirmou Régis.

O JOGO

O Dentil/Praia Clube fez os dois primeiros pontos do jogo. Bem no saque, o Rexona-Ades virou o marcador e foi para o primeiro tempo técnico com um de vantagem (8/7). O bloqueio das cariocas funcionava e o time da casa abriu três (11/8). A oposto Bruna conseguiu um ace e as cariocas fizeram 16/12. O treinador do Dentil/Praia Clube, Ricardo Picinin, trocou as ponteiras. Entrou Sassá e saiu Tandara. A substituição fez bem as mineiras que deixaram tudo igual (16/16). No entanto, o Rexona-Ades ditou o ritmo do jogo no final da parcial e venceu o primeiro set por 25/20.

O Rexona-Ades seguiu melhor no início do segundo set e fez 4/0. A equipe carioca segurou a vantagem e foi para o primeiro técnico vencendo por 8/5. Com uma boa sequência de saques da ponteira Jú Costa, o Dentil/Praia Clube encostou (12/10). Neste momento foi a vez da central Carol conseguir dois aces consecutivos para o time da casa e a diferença no placar subiu para cinco (15/10). Quando o Rexona-Ades vencia por 21/16, o treinador da equipe mineira pediu tempo. A paralisação fez bem ao Dentil/Praia Clube que fez três pontos seguidos (21/19). Mais uma vez a equipe carioca foi melhor nos momentos finais da parcial e venceu o set por 25/20.

A terceira parcial começou equilibrada e o time carioca foi para o primeiro tempo técnico com um de vantagem (8/7). O Dentil/Praia Clube cresceu de produção, virou o marcador e abriu quatro pontos (16/12). O time carioca diminuiu a vantagem no final da parcial, mas o saque e o bloqueio das mineiras fizeram a diferença, e o Dentil/Praia Clube fechou o terceiro set por 25/22.

O Rexona-Ades voltou melhor para o quarto set e fez 7/3. Bem no saque e no bloqueio, as mineiras viraram o marcador (13/12). O set ficou disputado ponto a ponto com as duas equipes se alternando na liderança. Na reta final da parcial as cariocas foram melhores e venceram o set por 25/21 e o jogo por 3 sets a 1.

Fonte: CBV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *