Minaspetro – mercado saturado explica alto preço do combustível em Uberlândia

Postos de Combustíveis (Foto: TV Vitoriosa)De acordo com Marcelo Alcântara vice-presidente da Minaspetro, em Uberlândia, o número de postos de combustíveis é maior do que a demanda pelo produto. O crescimento da frota de veículos, influencia diretamente o setor. Mesmo sabendo dos riscos do investimento, os empresários não desistem do mercado.

Para Josemar Rezende, empresário no ramo, o que movimenta o mercado é a crescente demanda pelo produto, que já pode ser considerado essencial na vida do cidadão e para a economia. Ainda segundo o empresário os riscos são calculados e antes de abrir um empreendimento é feito um estudo para se ter uma prévia de todo o retorno e perda de capital que é aplicado no investimento.

A média de crescimento de postos de combustíveis na cidade é de sete por ano. A Minaspetro se mostra preocupada com o setor que já está saturado. De acordo com o sindicato Uberlândia já conta com 135 postos, a média é de 2,6 mil veículos para cada posto da cidade.

Ainda segundo Alcântara, o preço da gasolina pode estar relacionado a este fator já que a receita gerada por cada posto é baixa, e há uma grande quantidade de oferta no setor, fazendo com que o prejuízo gerado pela baixa demanda seja compensado no valor do produto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *