Apresentações divulgam cultura afro para estudantes

A história dos negros africanos trazidos para o Brasil, desde a escravidão até a atualidade, será abordada com arte, movimento, música e energia na Escola Municipal Professor Luiz Rocha e Silva. Nesta quarta-feira (6), às 10h, o Grupo TerraCotta Dança Afrocontemporânea chega à unidade escolar com o espetáculo Dançando a Nossa Cor, uma forma de resgatar e valorizar a história e a cultura afrobrasileira.

A atividade é resultado da parceria da Secretaria Municipal de Educação (SME) com a Associação TerraCotta e a Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

O TerraCotta apresentará três peças teatrais para os alunos. A primeira será “De Angola ao gueto”, que abordará o percurso dos africanos até o Brasil. Em seguida, “Rota de resistência” mostrará a visibilidade que os negros conseguiram por meio dos esportes, com destaque para o futebol e o ídolo Pelé. Durante esta intervenção artística, os bailarinos usarão uniformes de futebol. “Mash Up Brasil”, o terceiro número musical, destaca afrodescendentes famosos no cenário musical, como Michael Jackson e Sandra de Sá. Essa última com música composta por Carlinhos Brown especialmente para o TerraCotta em sua participação no Programa Criança Esperança, da Rede Globo, edição 2012.

A apresentação encerra-se com músicas instrumentais de Carlinhos Brown criadas especialmente para o TerraCotta. Em seguida, o Grupo promoverá debates com os alunos e professores sobre a cultura afrobrasileira.

Dançando a Nossa Cor faz parte de uma mobilização que chama atenção para os dez anos de vigor da lei 10.639 de 2003, que tornou obrigatório o ensino de História e Cultura Afro-Brasileira em todas as escolas brasileiras, públicas e particulares. “Já conseguimos muitos avanços e conquistas para os afrodescendentes, mas sabemos que temos muito caminho pela frente para atingirmos a plena cidadania para todos”, disse o diretor geral do TerraCotta, Dickson DuArte.

Para o coordenador em Uberlândia do programa Mais Educação, Alcides Melo, da Secretaria Municipal de Educação (SME), a apresentação do TerraCotta é importante para despertar nos alunos o interesse, o respeito e a valorização da cultura afrobrasileira. 

Secom PMU 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *