Mulheres têm mais tumores de mama, intestino e colo de útero

*Por Vinícius Lemos

Casos de câncerDe acordo com um levantamento do Instituto Nacional do Câncer até o fim de 2015 o Brasil vai registrar mais de 200 mil novos casos de câncer em mulheres. É um dado alarmante, mas a boa notícia é que se o diagnóstico for rápido, a cura é de até 90%. Os tumores mais comuns nas mulheres são os de mama, intestino e colo de útero.

O ano de 2011 foi difícil para a paciente Maria Aparecida Rodrigues. Durante 10 meses ela brigou e venceu um câncer de útero, mas essa luta lhe deixou marcas e agora ela passa por um novo tratamento por causa dos efeitos colaterais da guera contra o tumor.

Um levantamento do inca – o instituto nacional do câncer e do ministério da saúde aponta que entre o 2014 e o fim de 2015, cerca 278,4 mil novos casos de câncer serão registrados em todo o país entre as mulheres. O diagnóstico rápido é essencial para a cura e eleva a taxa de cura a até 90%.

É importante manter em dia os exames de papanicolau, mamografia e exame de intestino – colonoscopia, afirma a médica oncologista Paula Lajolo.

Foi o diagnóstico precoce que salvou Maria Aparecida. “O câncer já estava grande, era muito agressivo.

Ela teve um dos tumores mais comuns entre as mulheres, no útero, mas a incidência vem mudando.

Os casos mais comuns são:

1. câncer de mama
2. intestino
3. colo de útero
4 .pulmão

Nos homens:

1. próstata
2. pulmão
3. intestino

No comparativo com a incidência mais comum entre os homens, dois dos tumores mais incidentes no homens estão entre os das mulheres, pulmão e intestino.

E a diminuição dos riscos serve para ambos os sexos.

Confira a entrevista com a especialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *