Duas equipes de vôlei chegam invictos na 1ª etapa da Superliga

Pelo Grupo A, Alfa/Monte Cristo venceu o Climed/Atibaia neste domingo

Duas equipes encerraram a primeira etapa da Superliga B 2013 neste domingo (20) comemorando invencibilidade nas casas de seus respectivos adversários. Pelo Grupo A, o Alfa/Monte Cristo derrotou o Climed/Atibaia, enquanto o Olympico/Mart Minas/Uptime venceu o São Caetano, em partida válida pelo Grupo B. Na próxima semana, os times da primeira chave se enfrentam em São José dos Campos (SP) e os representantes das equipes do Grupo B viajam para Chapecó (RS). A Superliga B 2013 começou na última sexta-feira. Na primeira edição, no ano passado, o torneio que dá direito a uma vaga na Superliga A terminou com o time de Canoas como campeão.

Em Atibaia (SP), a vantagem de jogar em casa não foi suficiente para o Climed/Atibaia superar o Alfa/Monte Cristo, que fez 3 sets a 0, parciais de 25/16, 25/20 e 25/22. A partida aconteceu no ginásio Elefantão, que mais cedo recebeu confronto entre Aprov/Unoesc/PMC e Brasil (seleção infanto juvenil). A equipe de Chapecó (RS) derrotou os meninos da seleção, que ainda não venceram no campeonato, por 3 sets a 1, parciais de 25/20, 25/19, 19/25 e 25/22. Esta foi a primeira vitória do time gaúcho no torneio.

“Para começo de competição, acho que fomos bem. Conhecemos nossas falhas e vamos continuar evoluindo com o tempo. Na segunda etapa, temos a vantagem de jogar em casa”, analisou o técnico do Aprov/Unoesc/PMC, Nilson Rex.

Em São Caetano (SP), no ginásio Lauro Gomes, o São José dos Campos bateu o Foz, por 3 sets a 0, parciais de 25/19, 25/14 e 25/21. Mais tarde, Olympico/Mart Minas/Uptime conquistou sua terceira vitória consecutiva. O time comandado por Leandro Dutra derrotou o São Caetano por 3 sets a 0, parciais de 25/20, 25/20 e 25/21. A equipe que jogou em casa encerra a primeira etapa da competição com três derrotas. Apesar do resultado, o técnico Márcio Marques considera a experiência do seu time positiva.

“Fizemos ótimos jogos. Para a nossa equipe, está sendo fantástico, porque temos atletas que nunca participaram de competições deste nível. Encaramos adversários mais experientes e comemoro nosso empenho em quadra. Agora, temos informações sobre os outros times que precisam ser trabalhadas para as próximas fases”, analisou.

CBV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *