Bens do ex-secretário tucano Narcio Rodrigues são bloqueados pela Justiça mineira

Os bens do ex-presidente do PSDB de Minas Gerais e ex-secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do governo de Antonio Anastasia (PSDB), Narcio Rodrigues, foram bloqueados pela Justiça mineira. A medida foi tomada na terça-feira e divulgada pela assessoria de Comunicação do Ministério Público Estadual. O valor retido pode chegar a R$ 115 milhões, segundo os cálculos da promotoria estadual.

O tucano foi conduzido no fim de maio (Foto: TV Alterosa/Reprodução)

O tucano foi conduzido no fim de maio (Foto: TV Alterosa/Reprodução)

O tucano foi preso no dia 30 de maio após diligência da Operação Aeaqualis, por suspeita de desvio de recursos públicos em obras da Hidroex (Fundação Centro Internacional de Pesquisa Aplicada em Água), localizada em Frutal, no Triângulo Mineiro, a cerca de 180 quilômetros de Uberlândia

A cidade no Pontal do Triângulo, que faz divisa com o Estado de São Paulo, é base eleitoral de Narcio Rodrigues e do filho, o deputado federal Caio Narcio (PSDB), que é natural de Uberlândia. Narcio Rodrigues militou na imprensa uberlandense na década de 80 antes de entrar na política e foi colunista de um dos jornais da cidade e também foi apresentador de uma emissora local de televisão.

A defesa do peessedebista informou que não vai se pronunciar sobre a indisponibilidade de bens do ex-secretário de Estado, que continua recluso preventivamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *