Projeto de reajuste de IPTU é retirado de pauta

Nesta segunda-feira, 19, na Câmara Municipal de Uberlândia foi retirado, por possíveis falhas, o projeto que reajustaria em mais de 1000% o Imposto Territorial e Predial Urbano (IPTU). O assunto é polêmico e gerou discussão e gerou polêmica antes mesmo de ser posto em discussão.

De acordo com a proposta do executivo, a dedução para o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) subiria de 40 para 50%, no material. Entretanto, a alíquota para a cobrança do imposto saltaria de 2 para 3%. Segundo os novos valores do projeto, uma casa que tenha custado R$100 mil, passaria a pagar um imposto de R$1500, levando em consideração os 3%. Com a tabela atual, a mesma casa seria tributada em R$1200.

2 respostas a Projeto de reajuste de IPTU é retirado de pauta

  1. jonas disse:

    o prefeito Gilmar Machado gosta de aumentar imposto, ele será conhecido de Gilmar, O prefeito do aumento de imposto.

  2. JEAN disse:

    PELA PRIMEIRA VEZ NA MINHA VIDA DE ELEITOR EU VOTEI EM UM CANDIDATO DO PT. ESPECIFICAMENTE NO GILMAR MACHADO. DECLARO QUE ESTOU ESTREMAMENTE DECEPICIONADO E ARREPENDIDO…..

Deixe uma resposta para jonas Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *