Ministros do STF condenam mais seis réus do Mensalão

Os ministros do Supremo Tribunal Federal condenaram mais seis réus do Mensalão que faziam parte da chamada “base aliada”, no primeiro mandato do presidente Lula.

Entre os condenados está o deputado Valdemar Costa Neto, do PR, e Pedro Henry, do PP, que deveram cumprir mais de 7 anos de prisão em regime semiaberto por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, além de uma multa de cerca de R$ 1 milhão, cada um.

Apenas o ex-deputado Pedro Corrêa, do PP, deverá cumprir a pena em regime fechado, já que pegou mais de 8 anos de prisão por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Os ex-deputados Bispo Rodrigues, do PL, e Romeu Queiroz, do PTB, foram condenados a mais de 6 anos em regime semiaberto.

Na próxima quarta-feira, os ministros devem calcular a pena do ex-deputado do PTB, Roberto Jefferson, que pode ter a pena reduzida por ter sido o delator do esquema.

SBT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *