Justiça Eleitoral de Patos de Minas convoca 1.650 mesários

Cerca de 1,6 mil mesários trabalharão na captação dos votos

A Justiça Eleitoral concluiu o processo de convocação dos mesários que vão trabalhar nas eleições do dia 07 de outubro nas cidades de Patos de Minas, Varjão de Minas, Lagoa Formosa e São Gonçalo do Abaeté. Os voluntários estão sendo comunicados através de carta. Cerca de 1.600 pessoas estarão trabalhando na captação dos votos.

As eleições são de interesse de toda a comunidade e a convocação de milhares de pessoas anônimas contribui para a transparência do processo. O trabalho dos Mesários, juntamente com o dos funcionários da Justiça Eleitoral, garante que o pleito transcorra normalmente. Pela sua importância, a convocação é obrigatória e a falta, se não for plenamente justificável, no prazo legal, constitui crime de desobediência e sujeita, ainda, o Mesário a processo criminal e multa a ser arbitrada pelo Juiz Eleitoral.

A Justiça Eleitoral de Patos de Minas convocou 1.655 mesários para atuarem no dia 07 de outubro nas quatro cidades que fazem parte da Comarca. São quatro mesários para cada seção de votação. Como em Patos de Minas são 331 seções, serão necessários mais de 1.300 mesários para captarem os votos.

A atuação como mesário nas eleições é voluntária e não há remuneração para o trabalho prestado. O mesário receberá um auxílio-alimentação e terá direito a 2 dias de folga em seu trabalho (público ou privado) para cada dia trabalhado nas eleições.

Patos Hoje/Maurício Rocha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *