Homem mata dois policiais em NY por ‘vingança’

 

Foto: EPA

Foto: EPA

Um homem assassinou dois agentes de polícia nos Estados Unidos e depois se suicidou, em um gesto que tem sido considerado pelas autoridades como vingança pela morte de negros por policiais brancos nos últimos meses.

O atirador, que atacou os agentes dentro de uma viatura, foi identificado como Ismaaiyl Brinsley, de 28 anos. Ele era negro e originário de Baltimore. O jovem cometeu o crime no bairro do Brooklyn, em Nova York, disparando contra a cabeça dos policiais na noite de sábado (20).

O episódio é mais um capítulo da crise racial que tem afetado os EUA recentemente. Tudo começou quando o comerciante negro Eric Garner foi morto em julho, em uma abordagem policial por um agente branco. No mês seguinte, o jovem Michael Brown foi atingido por um policial branco em Ferguson.

As mortes provocaram uma onda de protesto em todo o país. O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, criticou o crime e pediu o fim da violência. “Condeno de maneira incondicional a morte de dois agentes de polícia em Nova York. Dois homens corajosos não voltaram para casa de seus familiares esta noite e não há nenhuma justificativa para isso”, disse o mandatário.

“Peço para a população rejeitar a violência”, acrescentou. “É um ataque contra nós e contra a cidade. Continuaremos em alerta”, disse o prefeito de Nova York, Bill De Blasio. “É um ato desprezível. Quando um policial é morto, as bases da nossa sociedade são afetadas”, comentou.

De Blasio, no entanto, tem sido alvo de críticas da sociedade norte-americana, pois apoiou as recentes manifestações contra a decisão da Justiça de não incriminar o policial que teria matado Eric Garner.

Fonte: Ansa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *