Polícia indicia 9 por morte de operários no Itaquerão

 

Queda de guindaste no Itaquerão provocou a morte de dois operários (foto: Ansa)

Queda de guindaste no Itaquerão provocou a morte de dois operários (foto: Ansa)

A Polícia Civil indiciou nove pessoas pelo acidente com um guindaste na Arena Corinthians, em São Paulo, que provocou a morte de dois operários no último mês de novembro.

De acordo com o delegado responsável pela investigação, Luiz Antonio da Cruz, uma fiscalização rigorosa teria percebido que o solo não suportaria o peso do guindaste. Dos nove indiciados, sete trabalhavam para a construtora Odebrecht, responsável pelas obras do estádio, que foi palco da cerimônia de abertura da Copa do Mundo, em 12 de junho.

Os outros dois indiciados são da empresa Locar, que operava o guindaste. O acidente ocorreu em 27 de novembro e matou o motorista Fábio Luiz Pereira, de 41 anos, e o montador Ronaldo Oliveira dos Santos, de 43 anos. O guindaste tombou com uma estrutura de 420 toneladas. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *