Polícia Civil queima 250 quilos de maconha apreendidos em operações

Polícia Civil queima 250 quilos de maconha apreendidos em duas operações

 250 quilos de maconha apreendidos em duas operações são queimados 

Duas operações realizadas este ano em Patos de Minas terminaram com a apreensão de cerca de 250 quilos de maconha. A droga estava armazenada na sede da Delegacia Regional da Polícia Civil e foi incinerada na manhã desta segunda-feira (07). A queima foi realizada em uma cerâmica da cidade e foi acompanhada por profissionais da Vigilância Sanitária.

As duas operações foram realizadas no mês de junho deste ano, na mesma semana. A primeira, que teve a participação de policiais civis, militares e da Polícia Rodoviária Federal, aconteceu na BR 365, na Delegacia da PRF de Patos de Minas. O veículo furou o bloqueio realizado pelos policiais na Operação Divisas Seguras e foi acompanhado até cair em uma ribanceira. O carro estava lotado de maconha.

A segunda apreensão foi na Operação Fronteira, realizada pela Polícia Civil na divisa de Minas com Goiás. Cerca de 100 quilos de maconha que eram trazidos para a região de Patos de Minas foram interceptados pelos investigadores no meio do caminho. A droga foi apreendida e um homem de 33 anos foi preso por tráfico de drogas.

Após a conclusão dos dois inquéritos, a Polícia Civil encaminhou as acusações à Justiça e requisitou autorização para queimar a droga. De acordo com Delegado Regional, Elber barra Cordeiro, amostras da maconha permanecem guardadas até a conclusão do processo, mas não há necessidade de manter toda a maconha armazenada.

A incineração da droga aconteceu na Cerâmica Paranaíba. Pelos menos quatro fornos tiveram que ser usados para dar fim aos tabletes de maconha. A montanha de droga que poderia trazer sérios prejuízos para a sociedade virou apenas combustível para a queima de tijolos e telhas.

Patos Hoje

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *