Jovens são presos pela PM com duas armas de fogo e uma réplica

Patos HojeA Polícia Militar retirou das ruas de Patos de Minas mais duas armas de fogo nesta segunda-feira (10). Uma réplica também foi apreendida. Juntamente com uma bereta e uma garrucha, os policiais levaram para a delegacia dois jovens que podem estar envolvidos em outros crimes no Bairro Nossa Senhora Aparecida. A garrucha que é toda trabalhada e fabricada há muitos anos chamou a atenção.

De acordo com o Cabo Faria, os policiais faziam patrulhamento pela Rua Dos Boiadeiros quando viram Renato Calixto da Silva, 18 anos, e Tiago Vieira da Silva, 20 anos, conhecido como “Mandioca”, em via pública. Ao notarem a presença dos militares, a dupla acabou fugindo para o interior da casa de Renato.

Como os policiais os viram tentado se desfazer de algo, uma operação, com mais duas viaturas, foi montada e os militares acabaram encontrando no interior da residência onde eles se esconderam duas armas de fogo, um simulacro de uma pistola, espoleta e chumbo. O material seria usado para promover a guerra que existe entre grupos rivais da região.

A bereta 635 com cinco munições foi encontrada no berço de um bebê. A garrucha provavelmente de calibre 44 que é toda trabalhada e pode ter sido furtada de algum colecionador estava escondida na parede de um quarto. A réplica foi localizada em um sapateiro. Todo o material foi apreendido e levado para a delegacia para as demais providências.

Os policiais informaram que os dois podem estar envolvidos em outras tentativas de homicídio na região. Segundo os militares, os dois fazem parte de um grupo rival que está em guerra com outra gangue do Bairro São José Operário. O Cabo Faria informou que, segundo as apurações, Tiago seria um dos envolvidos na tentativa de homicídio de Miler, ocorrida na semana passada. A dupla foi presa em flagrante por porte ilegal de armas de fogo.

Patos Hoje

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *