11 alunos bebem cachaça, vão estudar, mas são flagrados

Alunos foram flagrados com restos de bebida dentro da escola

Após a denúncia de uma mãe, onze alunos foram flagrados pela direção de uma escola no bairro Novo Horizonte, em Patos de Minas, com restos de cachaça, que eles haviam consumido antes da aula. Eles teriam comprado alguns corotes da bebida.

De acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, a diretora da escola recebeu uma denúncia informando que vários alunos teriam entrado para a sala de aula depois de ingerir bebida alcoólica. Ela foi verificar a informação e constatou o fato. Pelo menos onze alunos de 10 a 14 anos haviam ingerido cachaça antes de entrar para a aula. O hálito etílico foi que denunciou o consumo da bebida.

Após a constatação, a Polícia Militar foi acionada para registrar a ocorrência. Tudo aconteceu da seguinte forma: a mando dos colegas, duas garotas teriam enganado o comerciante, dizendo que a bebida era para a mãe. Elas compraram pelo menos dois corotes de pinga e todos beberam perto da escola. Depois, eles ainda levaram para a sala o restante da bebida em outras garrafas.

Dos estudantes envolvidos, três deles eram ainda crianças e foram levados para suas casas e os pais comunicados. Os outros foram levados para a delegacia, sendo acompanhdos dos pais. O Cabo Selmo contou que os estudantes são alguns que sempre vêm dando trabalho na escola. Existe a suspeita de que eles já tenham feito isso outras vezes e mais alunos podem ter participado da bebedeira.

O policial ressaltou e elogiou a conduta da diretora que não acobertou o problema e tomou as devidas providências. A intenção é punir os envolvidos para que isso não venha a acontecer outras vezes. E fica também um alerta para os comerciantes a respeito da proibição da venda de bebidas alcoólicas para crianças e adolescentes, sendo a pessoa que a fizer responsabilizada.

Farley Rocha/Patos Hoje

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *