Funcionário de açougue é assassinado a tiros em Patos de Minas

Homem de 33 anos foi assassinado durante o trabalho

Um homem de 33 anos foi assassinado a tiros na noite dessa terça-feira (21) no bairro Céu Azul, em Patos de Minas. O crime aconteceu no interior de um açougue, local de trabalho da vítima, que chegou a ser socorrida pela SAMU, mas não resistiu. Dois homens foram presos pouco depois pela Polícia Militar apontados como autores do homicídio.

O crime aconteceu por volta de 19h30. De acordo com informações de testemunhas, os criminosos chegaram em uma motocicleta. Um deles desceu, se dirigiu para o interior do açougue e disparou seis vezes contra Sanyo César Silva, fugindo em seguida. O funcionário do açougue foi atingido três vezes no tórax, e os demais no rosto, braço e perna.

Marcas da violência ficaram no chão do estabelecimento

Uma equipe do SAMU foi acionada para socorrer a vítima. Ele chegou a dar entrada no Hospital Regional, mas não resistiu aos ferimentos e morreu poucos minutos depois. No local do crime ficaram as marcas de sangue. Peritos da Polícia Civil estiveram no açougue coletando informações para apurar o homicídio. Um chinelo deixado no local pode ajudar na elucidação do caso.

A Polícia Militar iniciou os rastreamentos em seguida e não demorou muito para localizar dois suspeitos. Luiz Fernando Rodrigues, conhecido como Mascotinho, de 19 anos, que teria efetuado os disparos e Jhonny Clay Queiroz de Magalhães, de 21 anos, que estava conduzindo a moto, foram presos pouco depois e encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil. A arma do crime não foi localizada.

Esse foi o 17º homicídio do ano em Patos de Minas. De acordo com a Polícia Militar, o crime pode estar relacionado com a disputa entre grupos rivais na parte alta da cidade.

Maurício Rocha/Patos Hoje

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *