Projeto criará pomares urbanos nas casas de Uberlândia

planta frutífera no quintalTer uma planta frutífera no quintal de casa fez parte da infância de muitas pessoas. Pode ser aquele “pé de mexerica” ou goiabeira, que os vizinhos se reuniam para colher seus frutos em diversas épocas do ano. Já o suco de laranja, era indispensável na mesa do almoço, que tinha como sobremesa o doce de figo, tudo plantado e colhido no fundo das casas.

Com o intuito de resgatar este hábito, a Prefeitura de Uberlândia, lançará o projeto de “Pomar Urbano”. O objetivo é garantir opções de alimentos naturais para as famílias, garantindo a segurança alimentar e conseqüentemente mais saúde. Há ainda a possibilidade, de no futuro, os alimentos serem divididos entre os vizinhos ou se tornar uma fonte extra de renda. Várias etapas já aconteceram como a triagem das famílias, destinação dos recursos e visitas técnicas.

O projeto é piloto e está sendo desenvolvido pela Secretaria Municipal de Agropecuária e Abastecimento em 30 residências do bairro Jardim Célia. As famílias receberão as mudas de plantas frutíferas e insumos agrícolas. Técnicos realizarão o plantio e orientarão os moradores no manejo, cuidado com as plantas e limpeza dos quintais.

Na casa da bordadeira Daiane Aparecida Barbosa, já possui uma bananeira, plantada pelo pai, assim que ela conquistou sua residência no Programa Minha Casa Minha Vida. No local estão sendo plantadas laranja, mexerica, manga, acerola, figo e caju. “O projeto é muito bom porque nos orienta a forma de cuidar. Às vezes até tentamos, mas a muda não vai para frente”, disse. Ela recorda o tempo de infância, em que morava em uma cidade pequena com os pais. “Lá sempre tinha alguma muda plantada e isso era muito bom”.

Segundo o gestor da pasta, Luiz Cláudio Camilo Portilho, o projeto surgiu a partir da implantação do Pomar Rural, onde foram distribuídas cerca de 22 mil mudas frutíferas e insumos agrícolas para diversas comunidades rurais e produtores da agricultura familiar. “O Pomar Urbanos está tendo uma boa aceitação, por isso, após o Jardim Célia, vamos implantar o projeto no bairro Shopping Park”, disse.

Segundo o técnico agrícola, Donizete Oliveira Faleiros, as espécies selecionadas são de fácil manejo. “Após o plantio bastará irrigar pelo menos três vezes por semana. Preparamos o solo e deixaremos tudo pronto para das famílias”, disse. Ainda segundo ele, em cada residência, há uma atuação específica, uma vez que o tamanho da área disponível para o plantio é diferente.

Prefeitura de Uberlândia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *