Saída da Ferrari rende quase R$ 81 milhões para ex-presidente

 

Luca di Montezemolo preside a Ferrari desde 1991 (foto: EPA)

Luca di Montezemolo preside a Ferrari desde 1991 (foto: EPA)

Luca di Montezemolo receberá uma indenização de quase 27 milhões de euros (R$ 81 milhões) por conta de sua saída da presidência da Ferrari. Segundo uma nota divulgada pela Fiat Chrysler Automobiles (FCA), dona de 90% das ações da escuderia, ele ganhará 13,71 milhões de euros (R$ 41,13 milhões) ao longo de 20 anos, com base em seu salário anual, e 13,25 milhões (R$ 39,75 milhões) até janeiro de 2015 em troca do compromisso de não desenvolver atividades de concorrência com o grupo até março de 2017.

No comando da montadora de luxo desde 1991, Montezemolo deixará o cargo no próximo dia 13 de outubro, quando se encerram as comemorações pelos 60 anos da marca italiana na América. O seu substituto será Sergio Marchionne, CEO da FCA.

De acordo com o presidente, a decisão foi tomada por ele. No entanto, Marchionne já tinha expressado seu descontentamento com os maus resultados da equipe na Fórmula 1 nos últimos anos.

Fonte: Ansa Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *