Fazenda de 5 mil hectares assentará 170 famílias em GO

fazendaA Superintendência Regional do Incra em Goiás recebeu a posse da fazenda Bacaba e Lama Preta, localizada entre os municípios de São Miguel do Araguaia e Luiz Alves, na região Norte do estado. A escritura de compra em nome do órgão foi lavrada no Cartório de Registro de Imóveis e Tabelionato 1º de Notas, na comarca de São Miguel do Araguaia (GO), no último dia 15. Em breve, o Incra/GO criará um novo assentamento na propriedade.

O futuro assentamento tem mais de cinco mil hectares e poderá receber cerca de 170 famílias camponesas. Serão beneficiados com a área os trabalhadores rurais do acampamento Lindalva Esperança, na BR-164, entre São Miguel e Mundo Novo, ligados à Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familar de Goiás (Fetaeg). Boa parte dos futuros assentados na área aguardam pela terra há pelo menos nove anos, enfrentando o calor e o frio das lonas pretas, a precariedade de trabalhos temporários, além de três incêndios e mais de oito acidentes de trânsito na rodovia. Mas agora isso mudou, pois a fazenda Bacaba e Lama Preta foi adquirida pelo Incra/GO pela modalidade compra, regulamentada pelo decreto 433, de 1992. A autarquia pagou R$ 23,5 milhões pelo imóvel, já descontado o valor do passivo ambiental, no valor de R$ 328.105,40.

O perfil agroeconômico da fazenda é voltado para a bovinocultura (leite e carne), apicultura, criação de frango e cultivo de mandioca. A propriedade está às margens dos rios Araguaia (lado direito) e Verde (esquerdo), além de contar com 24 represas, 14 cacimbas (poços perenes) e várias nascentes. A área também é cortada pela BR-080, que está sendo finalizada e fará a ligação entre os estados de Goiás e Mato Grosso.

Portal Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *