Tubarões comuns na praia onde turista morreu chegam a 6 metros

turista tubarão

Bruna Gobbi é a 24ª pessoa morta em decorrência de ataque de tubarão em Pernambuco desde 1992

Os tubarões comuns nas praias da região central do Recife-PE, onde a turista paulistana Bruna Gobbi foi atacada e veio a falecer, são o cabeça chata que pode chegar a três metros e meio e o tigre que chega a seis metros.

A jovem morreu na terça-feira (23) depois de ser atacada por um tubarão na praia de Boa Viagem na segunda-feira (22). Câmeras de segurança da orla registraram o momento em que a moça de 18 anos foi mordida pelo tubarão.

A jovem tinha sido arrastada para o fundo por uma onda e lutava para não se afogar. A imagem mostra o momento em que ela se debate ao ser mordida na perna esquerda. Uma mancha de sangue tingiu o mar no momento em que o salva vidas já se aproximava em um jet ski. Outros banhistas nadavam bem próximos, mas já com boias.

Carregada para a praia com a perna dilacerada pelo tubarão, Bruna foi levada para uma unidade de pronto atendimento, onde depois de receber os primeiros socorros, foi transferida para o Hospital da Restauração e teve parte do membro amputada.

A turista paulistana havia viajado de férias pela primeira vez para o Recife juntamente com uma prima. Ela foi a 24ª pessoa morta por ataque de tubarão em Pernambuco desde 1992.
Já houve 59 ataques nesse mesmo período e por isso há placas alertando sobre o risco nas praias.

Com informações da TV Alterosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *