Mais de três mil motoristas em Minas vão perder a CNH

No ano passado, em Minas, quase 10 mil motoristas tiveram a CNH suspensa ou a permissão para dirigir cancelada

O número de motoristas que tem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa ou cancelada em Minas Gerais é impressionante. Segundo o Detran, a maioria perde a habilitação por ter cometido infrações graves e ultrapassado 20 pontos na carteira.  As estatísticas apontam que, em média, 27 motoristas perdem a CNH por dia, na capital.

De acordo a delegada Inês Borges Junqueira, no ranking de infrações cometidas em todo o Estado, dirigir acima do limite de velocidade é o principal motivo de multas. Em 2012, foram 843.880 casos. Em segundo lugar está avançar o sinal vermelho, com 320.352 ocorrências. Falar ao celular enquanto dirige é outra infração grave. Ela aparece em terceira no ranking e em 2012 252.095. Dirigir embriagado, ou sem a CNH também estão entre as principais punições.

Este ano, até agora, segundo a delegada, mais de 3 mil motoristas estão sendo intimados para entregar a habilitação por terem atingido ou ultrapassado os 20 pontos na carteira. Quando isso acontece, o condutor recebe uma carta em casa e precisa comparecer ao Detran.

No ano passado, em Minas, quase 10 mil motoristas tiveram a CNH suspensa ou a permissão para dirigir cancelada. A punição foi para os condutores que cometeram infrações graves, como os novos motoristas que desrespeitaram as leis durante o primeiro ano de habilitação provisória e principalmente, os motociclistas que circularam com a viseira do capacete aberta.

A delegada alerta que os motoristas precisam ficar atentos também na hora de vender o veículo e mudar de residência para não deixar mais pendências no Detran.

As irregularidades se repetem todos os anos e tem gente que sabe que está errado e insiste. Alguns até tentam se justificar.

Alterosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *