Homem é indenizado em R$ 15 milhões após pegar doença em pipoca

Wayne Watson recebeu indenização milionária de US$ 7 milhões (R$ 15 milhões)

Nos Estados Unidos, Wayne Watson recebeu uma indenização de US$ 7 milhões – o equivalente a aproximadamente R$ 15 milhões – após contrair doença causada pela fumaça de pipoca de micro-ondas.

Exagerado, o americano tinha o hábito de comer até três sacos de pipoca por dia e desenvolveu uma grave doença que afeta os pulmões.

Watson, que é o primeiro cliente a contrair uma doença comum aos trabalhadores das fábricas, entrou na Justiça contra o fabricante e o supermercado e ganhou a indenização milionária.

SBT

Uma resposta a Homem é indenizado em R$ 15 milhões após pegar doença em pipoca

  1. Joanete Chargas disse:

    sou um gay, e tbm cono 5 sacos por dia, será que posso pegar a doença do pumao preto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *