No Morumbi, São Paulo bate o Bahia e sai na frente

(Imagem: Twitter oficial do São Paulo)

(Imagem: Twitter oficial do São Paulo)

O São Paulo saiu na frente do Bahia na decisão da Copa do Brasil Sub-20. Pelo jogo de ida da final, nesta quinta-feira, 24, no Morumbi, os atuais campeões venceram por 3 a 1 e se aproximaram da conquista do bicampeonato. Com o resultado, o clube paulista pode até mesmo perder por um gol de diferença para se sagrar campeão. Já o Esquadrãozinho precisa vencer por três gols de diferença para ficar com o título no tempo normal. Como não há o critério do gol qualificado na final, qualquer triunfo do Tricolor baiano por dois gols de diferença leva a decisão para os pênaltis.

Jogando em casa, no Morumbi, os atuais campeões começaram tomando a iniciativa da partida, mas esbarrava na boa marcação do Bahia. Para furar o bloqueio defensivo do adversário, o Tricolor paulista apostou na bola aérea e abriu o placar com Pedro Bortoluzo. O camisa 9 aproveitou cobrança de escanteio, fechou no meio da pequena área e fez 1 a 0. A resposta dos baianos foi imediata. Aos 15, após cruzamento rasteiro pela esquerda, Kaynan mostrou faro de gol e deixou tudo igual. Foi o quinto do camisa 11 na competição, empatando com Rique do Atlético-MG na artilharia. Para voltar a liderar o marcador e ampliar a vantagem, o time da casa contou com a estrela de Shaylon. Aos 27 minutos, em trama pela esquerda, o camisa 10 tocou no canto e fez 2 a 1. Três minutos depois, o jovem meia apareceu como elemento surpresa, recebeu lançamento em profundidade e, de carrinho, desviou para o fundo das redes, 3 a 1.

Em desvantagem, o Bahia voltou do intervalo buscando o diminuir o prejuízo. Apesar da postura mais ofensiva e domínio territorial, os visitantes esbarram na defesa bem postada do São Paulo. Com o placar favorável construído no primeiro tempo, o Tricolor paulista voltou para a etapa final apostando nos contra-ataques. Aos 40 minutos, Foguete teve a chance de ampliar a vantagem, mas acabou desperdiçando a cobrança de pênalti e o marcador permaneceu em 3 a 1.

A finalíssima será disputada na próxima quinta-feira, 1, às 21h15. O palco da grande decisão será o Pituaçu, em Salvador.

CBF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *