Federação Internacional de Natação exclui 7 atletas russos da Rio 2016

Federação Internacional de Natação exclui sete atletas russos da Rio 2016A Federação Internacional de Natação (Fina) anunciou hoje (25) que sete atletas russos estão fora dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Segundo a federação, quatro deles foram cortados pelo próprio Comitê Olímpico Russo (ROC). Os demais foram citados no relatório do Comitê Executivo da Agência Mundial Antidoping (Wada) sobre a prática sistemática de doping                                                                                   no país.

Mikhail Dovgalyuk,Yulia Efimova, Natalia Lovtcova e Anastasia Krapivina, esta última da maratona aquática, já tiveram punições anteriores por doping e, por decisão do ROC, não competirão no Rio de Janeiro. Yulia Efimova, uma das nadadoras excluídas, é a atual campeã mundial dos 100 metros peito e foi bronze nos Jogos de Londres 2012 na prova dos 200m peito.

Os outros atletas são Nikita Lobintsev, Vladimir Morozov e Daria Ustinova, excluídos pela Fina por terem sido citados no relatório encomendado pelo Wada e assinado pelo professor Richard McLaren.

McLaren conduziu uma investigação baseada nas denúncias do ex-diretor do Laboratório de Moscou, Grigory Rodchenkov, sobre adulteração de testes antidoping para mascarar o uso de substâncias proibidas pela Wada.

Ontem (24), o Comitê Olímpico Internacional (COI) decidiu não banir a Rússia da Olimpíada. Ao mesmo tempo, o COI deixou a cargo das federações internacionais a decisão de excluir atletas daquele país. A Fina elogiou a decisão do COI, “em respeito à participação de atletas russos limpos nos Jogos Olímpicos do Rio”.

Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *