Brasileirão 2016 – 7ª rodada: o que rolou?

 7ª rodada: o que rolou?

7ª rodada: o que rolou?

A 7ª rodada do Campeonato Brasileiro foi a que mais teve jogadores expulsos até agora. Foram sete cartões vermelhos. Ao todo, são 19 expulsões na competição: média de uma a cada 3,7 jogos. O nervoso clássico mineiro entre Atlético e Cruzeiro foi o responsável por engordar os números. A disputa regional terminou com menos quatro atletas em campo: Marcos Rocha, Lucas, Romero e Bryan.

O Cruzeiro, vencedor do clássico, lidera a lista de equipes com mais cartões vermelhos: cinco. Quando o assunto são os cartões amarelos, o líder Internacional é o campeão: 26 cartões. Já o Botafogo é o time mais leal do campeonato. A equipe do técnico Ricardo Gomes, lanterna do Brasileirão, recebeu só 11 cartões amarelos e não teve nenhum atleta expulso. Confira os números do Brasileirão após o final da 7ª rodada:

70 partidas
35 vitórias do mandante (50%)
16 vitórias do visitante (22,8%)
19 empates (27,2%)

168 gols

99 gols do mandante
69 gols do visitante

78 gols no 1º tempo
90 gols no 2º tempo

12 gols nos acréscimos

16 gols de pênalti
7 gols de falta
5 gols contra

Cartões

352 amarelos
Mais cartões amarelos: 26 (Internacional)
Menos cartões amarelos: 11 (Botafogo)

19 vermelhos
Mais cartões vermelhos: 5 (Cruzeiro)

Ataque
Mais positivo: 14 gols (Palmeiras)
Menos positivo: 4 gols (Botafogo)
Artilheiro: 6 gols (Grafite – Santa Cruz; Bruno Rangel – Chapecoense)

Defesa
Menos vazada: 3 gol (Internacional)
Mais vazada: 13 gols (Coritiba e Atlético Mineiro)

CBF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *