Cruzeiro estreia pela Copa do Brasil com empate sem gols, no nordeste

Cruzeiro estreia pela Copa do Brasil com empate sem gols, no nordesteO Cruzeiro empatou contra o Campinense por 0 a 0 na noite dessa quarta-feira, em jogo válido pela estreia da Copa do Brasil. A partida aconteceu na cidade de Campina Grande, na Paraíba. A partida ganhou ares decisivos no segundo tempo quando o zagueiro Léo foi expulso. O jogo ficou aberto, mas o time da Raposa, mesmo com um a menos foi o dono da situação, e criou as melhores chances e não conseguiu converter em gols.

Agora com o resultado de empate, as equipes voltaram a se enfrentar na próxima quarta-feira, no Mineirão para decidir o acesso. Antes disso, o Cruzeiro volta a concentrar suas forças para enfrentar o América-MG, no domingo, e precisa reverter a vantagem de dois gols construída pelo rival no último confronto.

O jogo

O Cruzeiro chegou com perigo pela primeira vez aos três minutos de jogo. Rafael Silva fez boa jogada na entrada da área e ariscou para o gol, o goleiro Glédson soltou e por pouco Elber não pegou o rebote.

Nove minutos depois, nova investida da Raposa. Romero lançou o lateral Mayke na direita, o jogador ganhou do marcador e cruzou, Rafael Silva na marca do pênalti cabeceou e o goleiro fez ótima defesa no angulo.

Aos 32 minutos, o Cruzeiro chegou mais uma vez. Belo toque de Mayke para Romero, o argentino gingou em frente do marcador e cruzou forte para dentro da area, a zaga bem posicionada afastou o perigo.

Quatro minutos depois, Alisson dançou em frente ao zagueiro, passou e ficou de frente para o goleiro, na hora do arremate a zaga chegou junto e afastou para escanteio. Quase o gol do Maior de Minas.

No fim do primeiro tempo a Campinense chegou com perigo pela primeira vez. Boa jogada pela esquerda, o cruzamento foi feito e Bruno Rodrigo salvou para escanteio. Na cobrança a zaga tirou e Magno arriscou de longe, a bola passou perto do gol de Fábio.

Segunda etapa

Logo no começo da segunda etapa, o zagueiro Léo fez falta como último homem e acabou expulso. Na cobrança de falta, Magno bateu e a bola passou muito perto do gol defendido por Fábio.

No contra-ataque, Alisson lançou Elber, o atacante correu, saiu do zagueiro e bateu com muito perigo para a meta do time paraibano.

Aos 19 minutos, a melhor chance do Cruzeiro no jogo. Romero lançou Alisson, o atacante fez ótima jogada e cruzou, Romero vinha chegando de traz e de frente para o gol bateu na trave esquerda defendida por Gledson.

Quatro minutos depois, mais uma excelente chance desperdiçada pelo Cruzeiro. Ariel Cabral tocou, a zaga falhou e Elber saiu na frente do goleiro e bateu por baixo, Gledson saiu bem e fez ótima defesa. Outra boa chance da Raposa.

Com 38 minutos, o Cruzeiro chegou mais uma vez. Allano, que entrou no lugar de Alisson, lançou Fabricio, o lateral cruzou, a zaga afastou e a bola sobrou na entrada da área para Romero. O argentino bateu rasante para o gol e o goleiro fez ótima defesa.

Site Oficial do Cruzeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *