Brasil vence a Turquia e fica com o título inédito do Mundial Sub-23

BRASIL VENCE A TURQUIA E FICA COM O TITULO INÉDITO DO MUNDIAL SUB-23A seleção brasileira feminina sub-23 de vôlei é pela primeira vez campeã do Mundial da categoria. Nesta quarta-feira(19), diante de 7600 torcedores que lotaram o Ankara´s Arena Hall para a partida decisiva, o Brasil venceu a Turquia por 3 sets a 1 (25/21, 21/25, 25/19 e 25/22), em 2h05 de jogo, em Ankara, na Turquia. O time verde e amarelo conseguiu 22 pontos de bloqueio no jogo e acabou com a invencibilidade das donas da casa na competição. A medalha de bronze ficou com a República Dominicana.

A oposto Rosamaria novamente teve atuação decisiva e foi a maior pontuadora da partida, com 17 acertos (13 de ataque e quatro de bloqueio). As centrais Saraelen, com 16, e Milka, com 11, e as ponteiras Drussyla, com 13, e Gabi, com 10, também pontuaram bem para o time verde e amarelo. A levantadora Juma, com uma boa variação de jogadoras, também brilhou na decisão.

O treinador Wagão comemorou o resultado e fez questão de parabenizar o grupo brasileiro pela dedicação durante toda a preparação que culminou com o título inédito.

“Nós respeitamos a Turquia e elas têm um time de qualidade, além de um grande treinador. A partida de hoje foi uma verdadeira batalha e nós jogamos bem melhor do que nosso confronto contra as turcas pela fase de classificação quando fomos superados por 3 sets a 0. A equipe cumpriu tudo o que foi estabelecido taticamente e pressionamos a Turquia durante todo o jogo. Estou muito orgulhoso das nossas jogadoras. Elas se dedicaram muito para esse título e mostraram muita força como um grupo e isso foi o que me deixou mais satisfeito. Esse título é de todos que trabalham, torcem e fazem do voleibol um esporte forte e vencedor ”, disse Wagão.

A oposto Rosamaria fez questão de agradecer o apoio recebido dos torcedores e chamou a atenção para a força do grupo brasileiro.

“Vencemos essa competição como um time. A sensação é maravilhosa e estou muito feliz. Tenho que agradecer o apoio que recebemos dos torcedores brasileiros que nos apoiaram durante toda a nossa campanha”, afirmou Rosamaria.

Juma é eleita a MVP da competição

A levantadora Juma foi eleita a melhor jogadora do Mundial Sub-23 e a mais eficiente na sua posição. A oposto Rosamaria também entrou na seleção do campeonato.

Ao final da partida, a levantadora Juma ficou surpresa com a premiação e dedicou o prêmio para as companheiras da equipe.

“Essa foi uma competição muito difícil e desafiante. Não posso acreditar que somos campeãs e que eu ganhei esse prêmio. Estou emocionada e dedico esses prêmios individuais as minhas companheiras de equipe”, finalizou a levantadora.

O Brasil jogou com a levantadora Juma, a oposto Rosamaria, as ponteiras Drussyla e Gabi, as centrais Saraelen e Milka e a líbero Juliana Paes. Entraram: a levantadora Naiane, a oposto Ana Paula e a ponteira Kasiely.

Fonte: CBV

Uma resposta a Brasil vence a Turquia e fica com o título inédito do Mundial Sub-23

  1. JOÃO LUIZ NETO disse:

    ISTO É O VERDADEIRO BRASIL QUE ESTAMOS PRECISANDO VER, PARABENS MENINAS HONRADAS DESTE NOSSO PAIS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *