Crescem os esforços para a formação de atletas de vôlei

Divulgação/Robert Nonato/ME

Divulgação/Robert Nonato/ME

A formação de uma base forte para o vôlei brasileiro e os caminhos para garantir sustentabilidade aos clubes foram assuntos de conversas do ministro do Esporte, George Hilton, dirigentes, empresários e jogadores no dia 28 de fevereiro, em Contagem (MG).

O ministro esteve na cidade para ver o jogo entre Sada Cruzeiro e SESI-SP, válido pela Superliga Masculina de Vôlei e vencido pelo time paulista, por 3 x 1.

George Hilton reafirmou a determinação da presidenta Dilma Rousseff para que o governo federal se empenhe e também apoie iniciativas que fortaleçam o esporte de base e a formação de atletas.

Ele garantiu que o Ministério do Esporte está aberto para participar de todos os esforços para o fortalecimento do vôlei e das demais modalidades.

A Associação de Clubes de Vôlei, reconhecida pela Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), começa entendimentos para a criação da categoria de “clube formador de atletas”, que poderia buscar patrocínios e incentivos com contrapartidas bem definidas, na busca de novos talentos e na preparação para a disputa de competições oficiais.

Jogo

A partida entre Sada Cruzeiro e SESI-SP, disputada na noite deste sábado (28.02) no Ginásio do Riacho, em Contagem (MG), encerrou a fase classificatória da Superliga Masculina de Vôlei. Mesmo perdendo por 3 x 1 – parciais de 27/25, 22/25, 21/25 e 20/25 – a equipe mineira manteve o primeiro lugar da competição, com o time paulista em terceiro.

Fonte: Portal Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *