Anderson Silva nega doping e promete ‘limpar’ nome

 

Reprodução Facebook

Reprodução Facebook

O ex-campeão do UFC Anderson Silva divulgou um comunicado na última quarta-feira (4) negando que tenha usado substâncias ilegais para melhorar seu desempenho na luta contra Nick Diaz.

O lutador de MMA foi pego em um exame antidoping realizado no dia 9 de janeiro. O teste deu positivo para drostanolona, esteroide que eleva a potência muscular. “Não usei nenhuma substância de aumento de performance. Minha posição continua sendo e sempre será a mesma, sou um advogado do esporte limpo”, disse o brasileiro.

Anderson Silva já chegou a defender que competidores que lutarem dopados devem ser expulsos do UFC. No comunicado, o ex-campeão ainda prometeu derrubar a acusação e “limpar” seu nome.

 

Fonte: ANSA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *