Para ficar com Marcelo Moreno, Cruzeiro terá que pagar quantia milionária

Xodó da torcida cruzeirense, o artilheiro Marcelo Moreno pode estar com os dias contados na Toca da Raposa. O atacante pertence ao Grêmio, que pretende integrá-lo ao elenco em 2015. Em entrevista, o presidente eleito do Tricolor gaúcho, Romildo Bolzan Júnior, confirmou a intenção de repatriar o atleta.

“O Marcelo Moreno é um grande jogador, tem se destacado no Cruzeiro. Temos feito as observações e faremos um exame muito acurado, junto ao Felipão e todo departamento de futebol para definir o time”, disse Bolzan, que elogiou muito o atacante. “Particularmente, acho o Marcelo um grande jogador e vamos trabalhar com a possibilidade de ele retornar ao Grêmio no ano que vem”, revelou o presidente eleito.

O diretor de futebol gremista, Rui Costa, participou da negociação que trouxe Moreno ao Cruzeiro. O dirigente descartou um novo empréstimo do jogador e disse que a diretoria celeste precisará exercer a compra em definitivo para permanecer com o atleta. Rui Costa, porém, não revelou o preço do atacante, apenas disse que o valor é superior ao que o Grêmio pagou em sua aquisição, em 2011.

“O valor do passe é um valor superior ao que o Grêmio pagou por ele. Imaginávamos que o jogador teria essa valorização. Se o Cruzeiro depositar o valor na conta do clube, fica com o jogador. Não há possibilidade de reempréstimo. Se o pagamento não acontecer, ele será reintegrado ao nosso elenco e recebido de braços abertos ou certamente, pela valorização que teve, será negociado”, garantiu o dirigente à reportagem.

Os valores

Embora o Grêmio não divulgue o preço exato de Moreno, é possível chegar a um valor aproximado, a partir do que o clube gaúcho pagou pelo atleta. Quando adquiriu Moreno junto ao Shakhtar, o Tricolor desembolsou 2,5 milhões de euros por apenas 70% dos direitos econômicos. Hoje, essa quantia equivaleria a aproximadamente R$ 7,9 milhões. Segundo a diretoria gaúcha, o preço atual de Moreno é proporcionalmente superior ao que o Grêmio investiu.

Na negociação, o Shakhtar também recebeu 15% dos direitos econômicos do meia Douglas Costa, avaliados em 2 milhões de euros, e ainda os valores da venda do volante Adilson, fixados em 1,5 milhão de euros. Ao todo, portanto, no contrato, Marcelo Moreno custou ao Grêmio 6 milhões de euros. Atualmente, esta quantia equivale a impressionantes R$ 19 milhões. Para se ter uma ideia, o zagueiro Dedé, maior contratação da história do Cruzeiro, custou R$ 14 milhões aos cofres do clube.

Cruzeiro aguarda

Procurado pela reportagem, o diretor de futebol do Cruzeiro, Alexandre Mattos, preferiu não comentar o assunto. Segundo ele, o clube só falará sobre negociações de atletas no fim do ano, depois do término do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil.

”O foco agora é no Palmeiras e nos próximos jogos. No momento certo, a diretoria do Cruzeiro vai tomar as decisões e fazer o melhor pensando no clube. Por enquanto, não vamos desviar o foco”, disse Mattos.

Super Esportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *