Cruzeiro oficializa aquisição definitiva de Willian junto ao Melalist

Depois de muitas semanas de espera, o Cruzeiro conseguiu oficializar neste sábado a aquisição definitiva do atacante Willian junto ao Metalist da Ucrânia. O contrato de empréstimo do jogador se encerrou em 14 de julho e, desde então, ele treinava na Toca da Raposa II com autorização dos ucranianos e aguardava, ansioso, pelo fim da novela.

Willian e o presidente Gilvan de Pinho Tavares concederão entrevista neste sábado, no Mineirão.

Para ficar com Willian, o Cruzeiro pagará ao Metalist 3,5 milhões de euros em sete parcelas de 500 mil. Na quinta-feira, o presidente Gilvan  já havia adiantado ao Superesportes, com exclusividade, que o acordo com os ucranianos estava selado. Faltava apenas o envio do contrato para a assinatura. 

A negociação se arrastou porque o dono do Metalist, Sergey Kurchenko, havia pedido para o Cruzeiro pagar um valor ínfimo oficialmente ao clube e depositar o restante em sua conta particular, em um paraíso fiscal, por problemas políticos na Ucrânia. A diretoria celeste não concordou, temendo problemas com a Receita Federal. No entanto, nos últimos dias, uma nova conta para depósito foi apresentada e a transferência foi viabilizada de forma legal.


Willian chegou ao Cruzeiro emprestado pelos ucranianos gratuitamente, na negociação que levou o meia Diego Souza ao Metalist por 6 milhões de euros. Com a camisa celeste, o atacante “do bigode” virou xodó da torcida durante a campanha do título brasileiro de 2013.

Ao todo, Willian disputou 61 jogos pelo Cruzeiro, sendo 40 deles como titular. Foram 15 gols marcados – oito em 2013 e sete em 2014 – e 13 assistências, com uma média aproximada de uma participação direta em gol a cada duas partidas.

Com a documentação em dia, o retorno de Willian aos planos do técnico Marcelo Oliveira já tem data marcada. Será contra o Botafogo, no sábado, 2 de agosto, no Maracanã, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A permanência de Willian praticamente fecha o grupo do Cruzeiro para o restante desta temporada, em que o time busca o tetracampeonato brasileiro, o segundo de forma consecutiva, e o penta da Copa do Brasil.

Primeiro gol de Willian pelo Cruzeiro foi contra o Flamengo, no Mineirão, no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O tento do atacante, porém, acabou ofuscado pelo gol de placa marcado por Everton Ribeiro na mesma partida.

Super Esportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *