Timão supera Inter e vence pela 1ª vez na Arena Corinthians

O Corinthians e a Fiel não se encontravam há 46 dias. Elias, então, voltava a jogar com a camisa alvinegra em São Paulo após mais de três anos. E o reencontro de todos esses personagens não poderia ser melhor: com gols e uma vitoriosa apresentação. Na volta do Campeonato Brasileiro após a disputa da Copa do Mundo da FIFA no país, o Timão venceu o Internacional por 2 a 1 em um estádio do Mundial, a Arena Corinthians, nesta quinta-feira (17), com gols de Guerrero e Fagner. Foi a primeira vitória do Alvinegro na nova casa, que levou a equipe corinthiana à vice-liderança da competição, com 19 pontos.

O início do Corinthians na partida válida pela décima rodada do Brasileirão foi ligado nos 220 volts, muito ligado. O Timão não deu espaços para o Internacional e foi ao ataque de forma ostensiva, procurando o gol logo nos primeiros minutos. Deu certo. Aos sete, Jadson encontrou Guerrero livre na área. O camisa 9, cara a cara com Dida, teve tranquilidade para abrir o placar.

Um gol não era o suficiente. Se o torcedor ainda tem a imagem viva na cabeça dos ataques muito positivos durante a Copa do Mundo, viu um ímpeto parecido no Corinthians. Dois minutos depois de abrir o placar, o Alvinegro atacou pelo lado esquerdo. Após cruzamento, a bola passou por toda a área e caiu no pé de Fagner, que também teve muita calma para chutar colocado no canto direito de Dida, ampliando para 2 a 0.

O Timão ainda se lançou mais vezes no ataque, com chutes de Elias e Fagner. Com o domínio do jogo, mesmo com algumas investidas do Internacional, o Alvinegro soube administrar a vantagem até o intervalo.

Na volta para o segundo tempo, o Corinthians repetiu o roteiro do começo da primeira etapa e quase fez 3 a 0 aos quatro minutos. Guerrero avançou pela lateral do campo e cruzou para Luciano, que cabeceou no canto esquerdo, mas para fora.

No restante da partida, o Timão se manteve bem postado na defesa, contendo os ataques do Internacional, que chegou com perigo no fim do jogo, em uma cabeçada de Valdívia.

Nem mesmo o gol de Claudio Winck, já nos acréscimos, ameaçou a vitória do Corinthians. Pela primeira vez, a Fiel pôde comemorar uma vitória na nova casa do povo.

Site Oficial do Corinthians

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *