Botafogo reage e empata em 2 x 2 com o Internacional

internet geralFoi na raça que o Botafogo arrancou o empate em 2 x 2 com o Internacional, em jogo disputado neste domingo, no Maracanã. Depois de deixar o campo no fim do primeiro vaiado e perdendo por 2 x 0, o alvinegro reagiu e assegurou a igualdade no placar. Os gols do jogo foram marcados por Rafael Moura, para o Internacional, e Emerson Sheik e Zeballos – nova dupla de ataque botafoguense –, para os donos da casa. Com o empate, o Internacional chegou a quatro pontos, ocupando provisoriamente o quarto lugar. Já o Botafogo somou seu primeiro ponto no campeonato.

O Inter não se intimidou com a pressão de jogar fora de casa e abriu o placar logo aos 8 minutos de bola rolando. A jogada começou com Aránguiz, que, ao dominar a bola pela direita, já emendou um lindo corte em cima do marcador. O cruzamento saiu na medida, na cabeça do centroavante Rafael Moura, que subiu livre, de dentro da pequena área, para cabecear e fazer o primeiro do Internacional.

Forçado a sair para o jogo para diminuir o prejuízo, o Botafogo chegou na base da bola parada, em cobranças de falta, e nos chutes de fora da área. Enquanto isso, o Inter fazia a bola girar e esperava o momento certo para aproveitar a falha do Botafogo, mais exposto, e contra-atacar. A chance mais clara do alvinegro aconteceu aos 32, Lucas recebeu bola enfiada de Jorge Wagner, mas errou a finalização ao tentar tocar por cima do goleiro Dida.

Só que aos 35 minutos, Fabrício, com muita liberdade pela esquerda, acertou passe longo para Valdivia, dentro da grande área. O “guri” protegeu a bola, impedindo o bote, limpou a jogada e rolou para Rafael Moura. O “He-Man”, mais uma vez desmarcado, só teve o trabalho de empurrar para o gol. Foi o segundo do centroavante e o segundo do Internacional no jogo.

O segundo gol foi o estopim para a insatisfação da torcida, que passou a vaiar os jogadores – apenas o goleiro Jefferson teve seu nome cantado pelos torcedores presentes – e cobrar substituições. E na volta para o segundo tempo, o técnico Vagner Mancini fez as mexidas precisas, sacando Jorge Wagner e Júlio César – alvo de críticas pesadas das arquibancadas – e colocou Daniel e Júnior César.

Nos primeiros minutos da etapa final, o Botafogo melhorou no jogo. Teve chance de fazer o gol com Emerson Sheik, aos 3 minutos: depois de cruzamento de Júnior César, o estreante dominou e bateu, mas a bola subiu demais e foi por cima do gol de Dida. Mas o jogo voltou a ficar equilibrado, tanto é que o colorado poderia até ter feito o terceiro aos 13, depois que Juan desviou falta cobrada por D’Alessandro.

Mas a história do jogo mudou a partir dos 18 minutos do segundo tempo. Foi quando Lucas cruzou pela direita e Emerson Sheik subiu mais alto que a zaga colorada. Dida não saiu do gol e o atacante botafoguense cabeceou para marcar seu primeiro gol com a camisa alvinegra, diminuindo a vantagem do Internacional na partida.

O gol de Sheik inflamou o jogo e injetou novo ânimo nos donos da casa, que apertaram a marcação e começaram a diminuir os espaços do Inter. O Internacional passou a errar mais passes e vacilar na defesa, o que abriu caminho para o gol de empate do Bota: o placar foi igualado aos 29, com Zeballos. Depois de falha da defesa, o paraguaio recebeu bola cruzada de Emerson Sheik, e se esticou para completar para o fundo das redes.

E a partida ficou aberta na reta final, com os dois times tentando o gol que daria a vitória. O Botafogo, na raça e na disposição, enquanto o Internacional contava que a técnica ou uma jogada individual pudesse desequilibrar. Jefferson foi forçado a fazer uma grande defesa logo depois do empate, colocando chute de Rafael Moura para fora com a ponta dos dedos.

Mas o 2 x 2 permaneceu, sacramentando a entrega do Botafogo na etapa final. O resultado impediu que o Inter continuasse na cola dos líderes do campeonato, enquanto o Botafogo ainda está na zona de descenso.

O Bahia é o adversário do Botafogo na terceira rodada, em jogo marcado para o estádio Fonte Nova, no próximo domingo (4), às 16h. No mesmo dia e horário, o Internacional joga contra Sport no Beira-Rio.

EBC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *