Flamengo vence o Minas e conquista bi-campeonato na LDB

flamengo campeão ldbO Flamengo é o grande campeão da LDB 2013. Na decisão da terceira edição da competição Sub-22, o time comandado pelo técnico Paulo Chupeta dominou o Minas Tênis Clube durante os 40 minutos e levou a melhor pelo placar de 51 a 42 e ficou com o título do maior campeonato de base do basquete brasileiro.

Esta foi a segunda vez que o clube da Gávea ficou com o título da LDB. Em 2011, a equipe na época também comandada por Chupeta levantou o troféu da primeira edição da competição. Na última temporada, o esquadrão flamenguista ficou com a medalha de bronze.

“Jogar três vezes uma competição e ser campeão duas é uma coisa muito gratificante, ainda mais no campeonato que te revelou. A LDB é um campeonato que vem crescendo a cada ano e isso mostra cada vez mais a força do basquete brasileiro”, disse Gegê, que também esteve presente na primeira conquista do Flamengo na LDB, em 2011.

Para levar a melhor na finalíssima, o Flamengo contou com boas exibições de seus principais jogadores. O pivô Cristiano Felício registrou um duplo-duplo, ao somar 16 pontos e 11 rebotes, enquanto que o armador Gegê anotou 11 pontos e distribuiu oito assistências. Com 11 pontos, o ala Diego também teve boa participação.

“Entramos muito focados desde o primeiro minuto. Sabíamos que o Minas era um time perigoso e que se déssemos espaço eles iriam nos complicar. Conseguimos exercer uma boa defesa e isso nos deixou mais tranquilo para atacar. Está todo mundo de parabéns pelo título”, disse Felício.

Pinheiros fica com o bronze

Pinheiros (Foto: Lucas Figueiredo LNB)Durante toda a LDB 2013, o jovem time do Pinheiros/SKY deu mostras de que era uma das grandes potências da competição. Porém foi nesta segunda-feira que a equipe da capital paulista teve sua grande afirmação no maior campeonato de base do basquete brasileiro.

No embalo de uma ótima atuação de Bruno Caboclo, o esquadrão pinheirense venceu a disputa pelo terceiro lugar, diante do Uniceub/BRB/Brasília, por 80 a 70, em partida realizada no Ginásio da Gávea, no Rio de Janeiro (RJ) e ficou com a medalha de bronze da terceira edição da competição Sub-22.

Formado apenas por atletas de até 19 anos de idade, o time da cidade de São Paulo contou com uma performance em grande estilo de Caboclo para vencer. O ala foi o cestinha do confronto com 24 pontos (14 deles no último quarto) e completou seu duplo-duplo ao apanhar 13 rebotes.

Além disso, o camisa 15 ainda colecionou quatro assistências, três bolas recuperadas e três tocos para somar incríveis 38 pontos de eficiência – oitava maior marca de toda a história da LDB. Junto de Bruno, outros atletas também tiveram papel importante no êxito do Pinheiros: o ala Lucas Dias, com 13 pontos, oito rebotes e cinco assistências, o armador Humberto e o ala/pivô Daniel, ambos com 11 pontos, e o ala/armador Rodrigo Alves, autor de dez tentos.

“Desde o início do jogo eu estava confiante em fazer uma boa atuação. No primeiro tempo até tive bons momentos, mas no segundo tempo me senti mais à vontade em quadra e isso facilitou muito as coisas”, disse Caboclo.

Junto da cerimônia de premiação das três equipes mais bem colocadas, os prêmios individuais e coletivos foram entregues após a grande decisão da LDB 2013. O destaque ficou por conta do pivô Ronald, do Uniceub/BRB/Brasília, que foi premiado como o jogador mais eficiente da competição.

Confira todos os prêmios entregues:

– Jogador mais eficiente: Ronald (Uniceub/BRB/Brasília)

– Líder em assistências: Davi Rossetto (SKY/Basquete Cearense)

– Líder em rebotes: Durval (Sport Club do Recife)

– Equipe mais eficiente: Minas Tênis Clube

– Equipe que cometeu menos erros: Minas Tênis Clube

 

Confira a classificação final da LDB 2013:

1º – Flamengo (RJ)

2º – Minas Tênis Clube (MG)

3º – Pinheiros/SKY (SP)

4º – Uniceub/BRB/Brasília (DF)

5º – Allianz/Ginástico (MG)

6º – SKY/Basquete Cearense (CE)

7º – São José/Unimed (SP)

8º – Paschoalotto/Bauru (SP)

9º – Vivo/Franca (SP)

10º – Sport Club do Recife (PE)

11º – Paulistano/Unimed (SP)

12º – Tijuca Tênis Clube (RJ)

13º – Círculo Militar do Paraná (PR)

14º – Universo/Goiânia (GO)

15º – Vila Velha/Cetaf (ES)

16º – Winner/Kabum/Limeira (SP)

17º – Grêmio Náutico União (RS)

18º – SFC/Vitória/Cavalo Marinho (BA)

19º – Vitória (ES)

20º – Náutico/Fase Faculdade (PE)

Fonte: LNB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *