Geração de futuro do polo brasileiro domina as Américas

Geração de futuro do polo brasileiro domina as AméricasO Brasil conquistou o 3º título no Pan-Americano Junior de polo aquático masculino (Sub-17). No feminino, as brasileiras também subiram ao pódio para conquistar a medalha de bronze na competição para atletas nascidos a partir de 1996 e encerrada neste sábado, 31/8, em Buenos Aires, Argentina. Na decisão masculina, vitória de 9 a 8 sobre os norte-americanos, e no bronze feminino, Brasil 11 x 8 Porto Rico. As americanas foram as campeãs na final contra as canadenses, 10 a 6, mesmo placar da triunfo canadense na disputa do bronze masculino com a Argentina.

A seleção masculina brasileira de base vem dominando a modalidade nas Américas, sempre em finais contra os EUA. É uma geração promissora que certamente terá vários integrantes na equipe que representará o Brasil nos Jogos Rio 2016. Astrês decisões frente aos americanos foram no próprio EUA, depois em Porto Rico/2011, e agora na Argentina. A experiência que vem acumulando em diversas competições será fundamental em futuro próximo. Como o do recente Mundial Junior da Hungria, terminado em 18 de agosto, em que o Brasil terminou na 7ª posição, à frente de potências como a Rússia, Austrália, Japão e Canadá. Na primeira fase, o Brasil só perdeu para a forte Sérvia – campeã da edição anterior em 2011 e bronze este ano – no último quarto, após empatar os três primeiros períodos.

Nas Universíades de Kazan/Rússia, em julho passado, um time jovem mesclado com outros mais experientes, terminou na 8ª posição, tendo conseguido durante a campanha, uma inédita vitória sobre uma das equipes Top: Montenegro.

No Pan Junior masculino, provavelmente mordidos pelas derrotas anteriores, os americanos esforçaram-se ao máximo para evitar novo deslize. Na primeira fase, o Brasil já vencera por 15 a 13. Na decisão, após ver os brasileiros abrirem 5 a 0 nos dois primeiros quartos, os EUA reagiram e encostaram no marcador – 4 a 5 – ao fim do terceiro período. No último quarto chegaram a empatar em duas oportunidades (5 a 5 e 6 a 6), mas os brasileiros voltaram a jogar bem e abriraram 9 a 6. Respirando por aparelhos, os norte-americanos ainda tentaram um sprint final, ficando a um gol do empate que levaria a decisão para o tempo extra, mas não foi necessário: Brasil campeão mais uma vez.

Classificação do Pan-Americano Junior 2013 – Buenos Aires, Argentina

Masculino = 1) Brasil / 2) EUA / 3) Canadá / 4) Argentina / 5) Peru / 6) Trinidad & Tobago / 7) Uruguai
Feminino= 1) EUA / 2) Canadá / 3) Brasil / 4) Porto Rico / 5) Venezuela / 6) Argentina

Seleções do Brasil
Feminino(técnico Antônio Canetti / Auxiliar: Pablo Cuesta)
Atletas:
1- Victoria Chamorro / 2 – Marina Fernandes / 3 – Lorena Borges  / 4 – Bruna Couri / 5 – Heloisa Warren / 6 – Carolina Carillo / 7 – Marina Araújo (capitã) / 8 – Gabriela Longo / 9 – Samantha Rezende / 10 – Mariane Cardoso / 11 – Mariana Duarte / 12 – Sofia Rivas / 13 – Raquel Sá

Masculino (técnico Ângelo Coelho / Auxiliar: Frank Diaz)
Atletas:
Henrique Vasconcelos (capitão) / Lucas Ferreira / Luis Silva / Guilherme Gomes / Lucas Pinto / Pedro Vergara Real / Felipe Alterthun / Eduardo Wainberg / Bernardo Oliveira / Daniel Lima / Pedro Stellet / Leonardo Silva / Caio Pereira

CBDA – Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *