Brasil é campeão da Copa Pan-Americana

Brasil é campeão da Copa Pan-AmericanaO Brasil é campeão da Copa Pan-Americana masculina de vôlei. Sem perder nenhum set, a equipe brasileira conquistou a medalha de ouro na competição que aconteceu no ginásio Juan de la Barrera, na Cidade do México. Neste sábado (24.08), o time formado por jovens atletas venceu o México por 3 sets a 0 (25/21, 25/20 e 25/17), na final que foi disputada em 1h18.

O ponteiro do Brasil, Ricardo Lucarelli, foi eleito o melhor jogador da competição. Depois de conquistar a medalha de prata na Liga Mundial, o jogador esteve com o grupo sub-23 e teve desempenho de destaque. Após a partida, Lucarelli comemorou o resultado conquistado no México.

“Estou muito feliz. Ganhar é sempre muito bom e ainda fomos campeões de forma invicta, que é sempre mais gostoso. Mostramos que temos um grupo que está bem, com jogadores buscando sua vaga na seleção e fazendo o máximo para merecer essa oportunidade”, afirmou Lucarelli.

O central Isac foi o maior pontuador do Brasil, com 13 acertos. O outro central da equipe verde e amarela Maurício Souza, também pontuou bem ao marcar 12 vezes. Capitão do grupo que defendeu o país nesta competição, o ponteiro Maurício Borges elogiou o desempenho do adversário nesta final.

“O México nunca desistiu, lutou muito e foi um adversário muito difícil nos dois primeiros sets. Nós melhoramos no final e felizmente vencemos o campeonato”, disse o capitão brasileiro, Mauricio Borges.

Jogador mais experiente deste jovem grupo, o líbero Alan, de 33 anos, foi um dos principais líderes em quadra. “Foi muito bacana estar perto desses jogadores que são promessas e que, com certeza, vão ser o futuro do vôlei brasileiro”, garantiu Alan.

O técnico Rubinho já pensa na próxima competição da seleção sub-23, que irá sediar a primeira etapa do Mundial da categoria, em outubro. “O México fez bons jogos ao longo do campeonato, principalmente contra os Estados Unidos. Para nós, o principal objetivo é a preparação para o Campeonato Mundial Sub-23”, disse Rubinho.

Ao longo do campeonato, o Brasil venceu Porto Rico e Argentina na primeira fase e voltou a derrotar os porto riquenhos na fase semifinal – todos por 3 sets a 0.

A seleção brasileira contou os levantadores Murilo Radke e Felipe Quaresma, os opostos Renan e Luan, os centrais Maurício Souza, Isac e Otávio, os ponteiros Maurício Borges, Lucarelli, Lucas Loh e Ricardo e o líbero Alan.

Classificação final

1º – Brasil

2º – México

3º – Argentina

4º – Porto Rico

5º – Estados Unidos

6º – República Dominicana

7º – Trinidad e Tobago

CBV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *