Definidos alguns finalistas nos Campeonatos Estaduais

O Atlético-MG goleou na primeira partida semifinal

No Carioca, o Botafogo passeou no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, e goleou o Resende por 5 a 0. Com a vitória, o Alvinegro está assegurado na na final da Taça Rio, segundo turno do estadual. Dória, Nicolas Lodeiro, Fellype Gabriel, Rafael Marques e Clarence Seedorf marcaram os gols do Glorioso, que decidirá o título no dia 5 de maio com o ganhador do encontro entre Fluminense e Volta Redonda – as duas equipes se enfrentam neste domingo. Por ter vencido o primeiro turno, a Taça Guanabara, o Botafogo será campeão estadual se ganhar também a Taça Rio.

No Rio Grande do Sul, depois de buscar empate por 1 a 1 no tempo regulamentar, no Alfredo Jaconi, o Juventude derrotou o Grêmio nos pênaltis e avançou à final da Taça Farroupilha. O adversário na decisão será conhecido neste domingo, no duelo entre Internacional, campeão do primeiro turno, e Veranópolis. André Santos e Vargas perderam suas cobranças pelo Grêmio.

O Atlético Mineiro não brilhou, mas fez o suficiente para vencer o Tombense por 2 a 0, no estádio Almeidão, e dar um grande passo para brigar pelo bicampeonato estadual. O primeiro gol do jogo foi anotado pelo meia-atacante Luan, que pegou rebote do goleiro, após cabeçada de Alecsandro e estufou as redes do Almeidão. No segundo tempo, Leandro Donizete fechou o placar com chute de rara felicidade. Por ter feito melhor campanha na fase de classificação, o Galo pode até perder o jogo de volta, no dia 5 de maio, por dois gols de diferença que avança para a final do Campeonato Mineiro.

No Pernambucano, o Sport é o primeiro finalista. A vaga veio após a vitória por 4 a 2 sobre o Ypiranga, no segundo jogo da semifinal, disputado na Ilha do Retiro. Na partida de ida, o Leão já havia vencido por 5 a 1. O time rubro-negro agora espera para ver qual dos dois arquirrivais enfrentará na decisão: Santa Cruz e Náutico decidem a vaga neste domingo, nos Aflitos. O jogo de ida da final está marcado para o próximo dia 5.

Em Santa Catarina, indefinição: no jogo de ida de uma das semifinais do Campeonato Catarinense, Figueirense e Chapecoense empataram por 1 a 1 no Orlando Scarpelli. Na partida de volta, marcada para o próximo domingo, no Estádio Índio Condá, em Chapecó, um novo empate classificará a Chape para a final. A missão do Figueira para avançar será ingrata. A equipe comandada por Adilson Batista precisará vencer a Chapecoense em seus domínios – feito que nenhum adversário conseguiu ainda alcançar nesta edição do Catarinense.

Fonte: Fifa.com 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *