Com gol no final, Santos empata fora de casa com Bragantino

O Santos soma sete pontos com o resultado e permanece na liderança

Em Bragança Paulista, Bragantino e Santos se enfrentaram neste domingo (27) pelo complemento da terceira rodada do Paulistão 2013, e a partida terminou empatada por 2 a 2.

O Santos soma sete pontos com o resultado e permanece na liderança. O Bragantino fica com três pontos ganhos.

Logo no primeiro minuto, Diego Macedo cruzou, Malaquias desviou de cabeça e a bola passou perto do gol de Rafael. O Bragantino iniciava a partida pressionando o Santos e buscando chances de gol.

Na sequência, Léo Jaime tentou o chute e acertou o travessão santista. O Santos pouco explorava o ataque nos minutos iniciais, permitindo ao Bragantino controlar as ações do jogo.

A primeira chance do Santos foi aos dez minutos. Montillo lançou Neymar, que passou para André ficar de frente para o gol, mas a bola foi para fora. Depois, foi a vez de Neymar ir para o chute e o goleiro do Bragantino defender.

Geandro bateu falta, a bola passou por toda a área e por Rafael, mas saiu pela linha de fundo. Aos 21, o Bragantino quase abriu o placar quando Cícero tentou tirar a bola da área e por pouco não fez gol contra.

O Santos seguia tentando ficar com a posse de bola, mas era o Bragantino a pressionar mais. O resultado foi o gol de Raphael Andrade, aos 27, de cabeça, após cobrança de escanteio.

O Santos passou a pressionar mais atrás do gol de empate. Aos 38, Neymar deixou a bola para Montillo arriscar o chute, mas o argentino foi travado pela defesa. Aos 41, o camisa 11 cobrou falta e Durval tentou o desvio de cabeça, com a bola indo pela linha de fundo.

No começo do segundo tempo, Neymar tentou a jogada individual, mas acabou desperdiçando a chance. Depois, Bruno Peres foi para o chute e a bola foi longe da meta de Rafael Defendi.

Aos seis minutos, o Santos empatou a partida com Cícero, que recebeu lançamento de Montillo, invadiu a área e bateu cruzado, sem chances de defesa para Rafael Defendi.

O Bragantino reagiu no chute de Diego Macedo, que foi pela linha de fundo. O Santos buscava o ataque e tentava encaixar jogadas para virar o placar em Bragança Paulista, com a equipe da casa recuada.

Apesar da postura defensiva, o time da casa fez o segundo gol aos 19 minutos. Diego Macedo ganhou a bola, driblou Guilherme Santos, Renê Júnior e, antes de Durval chegar para o desarme, bateu de fora da área no ângulo esquerdo do gol de Rafael. Um bonito gol.

Malaquias teve a chance de marcar o terceiro gol do Bragantino, mas Rafael conseguiu a defesa. O Santos tentava o ataque e Neymar desperdiçou a chance do empate aos 35 minutos, em cobrança de falta. O jogador santista tentou novamente na bola parada e a bola passou muito perto do travessão de Rafael Defendi.

Aos 44, Miralles foi derrubado por Kadu e o árbitro assinalou pênalti. Neymar foi para a cobrança e empatou novamente a partida.

O Santos visita o Ituano na próxima rodada, enquanto o Bragantino também joga fora de casa, contra o Guarani.

Ficha técnica

Bragantino 2 x 2 Santos

Local: Nabi Abi Chedid, Bragança Paulista;

Árbitro: Raphael Claus;

Assistentes: Mauro André de Freitas e Renata Ruel Xavier de Brito; Assistentes adicionais: Luiz Vanderlei Martinucho e Regildenia de Holanda Moura;

Quarto árbitro: Simões Marconi Ferrari;

Bragantino: Rafael Defendi; Carlinhos (Serginho), Kadu e Raphael Andrade; Geandro, Preto (Robertinho), Neto, Diego Macedo (Thiago Santos) e Léo Jaime; Malaquias e Lincom.

Técnico: Mazola Júnior.

Santos: Rafael; Bruno Peres, Neto, Durval e Guilherme Santos (Felipe Anderson); Renê Júnior (Pinga), Arouca, Cícero e Montillo; Neymar e André (Miralles).

Técnico: Muricy Ramalho.

Gols: Raphael Andrade (BRG) aos 27 do primeiro tempo, Cícero (SAN) aos 6, Diego Macedo (BRG) aos 19, Neymar (SAN) aos 46 (pen) do segundo tempo

CA: Carlinhos, Diego Macedo, Geandro, Serginho e Preto (BRG); Renê Júnior e Montillo (SAN)

Fonte: FPF 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *