Santos é derrotado por 2 a 1 pelo Bolívar, na Libertadores

Marcação dura em cima de Neymar

Marcação dura em cima de Neymar

Em partida de ida, válida pelas oitavas de final da Libertadores 2012, o Santos perdeu de 2 a 1 do Bolívar, no Estádio Hernando Siles, na Bolívia. Campos abriu o placar para o time de casa, depois Maranhão empatou, com um rebote de bola chutado por Elano. No fim, Campos novamente encerrou a partida aplicando mais um gol em cima do Peixe.

Logo no começo da partida, nos primeiros minutos, Campos sofreu falta perto da área e não desperdiçou. Rafael bem que tentou, mas o jogador boliviano estava em uma noite inspirada.

O primeiro tempo foi marcado com ambas as equipes jogando forte, o Santos sofria com as duras chegadas dos donos da casa. Neymar não brilhou como se esperava, devido a tática aplicada pelo Bolívar para conter o atacante. Mas o Santos lutou para empatar, e aos 33 minutos Maranhão aproveitou rebote, deixando o placar no 1 a 1.

O segundo período foi destacado pelos contra-ataques, mas o Bolívar demonstrava mais perigo que o Peixe, que não conseguia finalizar tão bem quanto o time adversário. Com maior posse de bola e segurança dentro de campo, o segundo gol veio aos 29 minutos, novamente, com Campos, de cobrança de falta. 2 a 1.

Ganso, Neymar e Elano tentaram e quase chegaram a completar chances de gol, porém o goleiro, além de Campos, estava iluminado.

Agora, o Peixe joga por uma vitória de 1 a 0 na partida de volta para avançar. O segundo confronto entre santistas e bolivianos acontece no dia 10 maio (quinta-feira), às 19h30, na Vila Belmiro.

Na sequência, o Peixe volta suas atenções para a semifinal do Paulistão. Em busca do tri, a equipe santista tem clássico contra o São Paulo, domingo, no Morumbi, em jogo único para definir quem vai para a decisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *