Suspeito de dois homicídios é preso pela Polícia Civil

Leonardo Nunes, conhecido como Leozinho do PatrimônioA Polícia Civil de Uberlândia elucidou mais dois casos de homicídio na cidade do Triângulo Mineiro. Para ambas as ocorrências, o autor seria o mesmo.

O Delegado Bernardo Penna Sales apresentou nesta terça-feira, 18 de março, Leonardo Nunes, conhecido como Leozinho do Patrimônio. Segundo o inquérito da delegacia de homicídios, Leozinho executou com 10 tiros Dionatan Messias Gonçalves, de 20 anos, no Bairro Jaraguá, em meados de novembro de 2013. A motivação do crime disputa por ponto de tráfico de drogas.

Já em fevereiro deste ano de 2014, ele teria assassinado outra vítima no Bairro Canaã com diversos tiros. Jhon Michael Mendes Souto estava trafegando em uma motocicleta quando foi atingido várias vezes.

De acordo com o delegado, Leonardo Nunes confessou os dois crimes. O inquérito será encaminhado à Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *