Cantor Leo Chaves entrega cheque ao Hospital do Câncer de Uberlândia

hospital do câncer de UberlândiaNa próxima quarta-feira, 16, o cantor Leo Chaves, da dupla Victor & Leo, entregará um cheque simbólico ao Hospital do Câncer de Uberlândia. O valor não informado pela assessoria foi arrecadado durante o show beneficente realizado em 4 de outubro no Center Convention na ocasião do aniversário do artista.

A entrega ao presidente do Grupo Luta Pela Vida, Renato Pereira, está prevista para as 10h30, nas obras da Unidade 2 do Hospital do Câncer.

O show “Amigos do Futuro” reuniu artistas da música, familiares, amigos e empresários, incluindo Ivete Sangalo, Alexandre Pires e as duplas Jads e Jadson, Bruno e Marrone e Zezé Di Camargo e Luciano e os atores Juliana Paes e Murilo Rosa.

Verba será usada nas obras de alvenaria

De acordo com o Grupo Luta Pela Vida, ONG que tem como objetivos combater o câncer, entre outras coisas, a entrega do valor arrecadado marcará também o início da fase de alvenaria da 1ª etapa das obras da Unidade 2 composta pelo Centro de Cuidados Paliativos Oncológicos do Hospital do Câncer.

Durante visita à obra, Leo Chaves assentará o primeiro tijolo, dando o pontapé inicial ao espaço que atenderá pacientes que já não têm mais chances de cura, mas que precisam de cuidados especiais. O prédio do Centro de Cuidados Paliativos terá capacidade para 42 leitos distribuídos em 20 apartamentos duplos e dois simples, todos com banheiros acessíveis.

Estima-se que o investimento para concluir a primeira etapa será de R$ 8,9 milhões. “Até o momento já foram aplicados na obra quase de R$ 2 milhões, graças ao apoio da comunidade. As pessoas estão dando o melhor de si em prol dessa causa e isso é muito bom”, disse o presidente do Grupo Luta Pela Vida, Renato Pereira.

“Serão necessários 57 mil tijolos para assentar tanto na parte interna, quanto na externa. Já ganhamos 30 mil tijolos vindos de diversas fontes e estamos muito felizes. É imensurável trabalhar numa obra que futuramente servirá muitas pessoas”, afirma a engenheira civil Elcivone Maria de Lima Barbosa.

A equipe que está à frente da obra é formada por 30 profissionais, entre funcionários do Grupo Luta Pela Vida e empreiteiros, carpinteiros, hidráulicos, pedreiros, armadores, serventes, engenheira, mestre de obra e encarregados, além dos que trabalham na área administrativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *