Jovem é morta a tiros e vizinho descobre ao ouvir choro de bebê

Foto: Divulgação PM

Foto: Divulgação PM

Uma jovem de 29 anos foi assassinada a tiros dentro de casa em São Gotardo, no Alto Paranaíba. O corpo dela foi avistado nesta sexta-feira, 2, pelo proprietário da casa em que ela era inquilina, na Rua Oscar Ribeiro dos Santos, Bairro Saturnino.

O homem suspeitou de algo errado ao ouvir o choro insistente de um bebê de sete meses. Ao olhar por uma porta que estava aberta, visualizou Sandra Maria dos Santos deitada no sofá já sem vida e sobre uma poça de sangue.

O homem acionou a polícia e, com a ajuda de uma vizinha, socorreu a criança. A perícia da Polícia Civil (PC) constatou quatro perfurações de arma de fogo, nas mãos, peito e cabeça.

O corpo foi levado ao IML de Patos de Minas.

De acordo com a PM, Sandra tinha um filho de 11 anos com um detento. A criança recém-nascida era filha de outro homem, que também tem várias passagens policiais. Testemunhas relataram que a mulher estava sendo ameaçada de morte por um ex-namorado.

O Conselho Tutelar conversou com familiares e, a princípio, o bebê ficou com a babá da família até a situação se acalmar. Uma irmã da vítima informou que pedirá a guarda.

A suspeita é de crime passional.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *