Corpo em decomposição pode ser de mulher desaparecida em Patrocínio

Desaparecida é achada mortaUm corpo em avançado estado de decomposição foi encontrado na tarde de quarta-feira, 24, em uma vala próximo à Penitenciária Expedito de Faria Tavares, em Patrocínio, no Alto Paranaíba.

Segundo a Polícia, o cadáver pode ser de uma jovem que estava desaparecida desde o dia 31 de julho deste ano.

Um homem fazia caminhada pela estrada que dá acesso à Penitenciária e viu o corpo a aproximadamente 20 metros do asfalto, bastante dilacerado e acionou os militares. O crânio, os ossos da costela e o cabelo estavam separados do corpo da vítima.

A perícia não identificou se a mulher foi decapitada, pois o desmembramento pode acontecer naturalmente com a decomposição.

Desaparecida é achada morta 4A suposta vítima seria Marina Marques Santos Nascimento, de 24 anos. A última notícia da família é de que ela tinha sido vista indo para o povoado de Boa Vista e não voltou mais. Marina era “fotógrafa da natureza”.

A família foi acionada e reconheceu as roupas e uma bota de cor lilás encontradas junto ao cadáver.

Desaparecida é achada morta 3

Com a vítima foram encontrados um manete de embreagem de motocicleta no bolso da calça e um par de botas.

Pela situação do cadáver, não foi possível constatar se haviam sinais de violência. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) da cidade.

Desaparecida é achada morta 2Fotos e informações de Patrocínio Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *