Polícia de Meio Ambiente captura aves feridas e tamanduá-mirim

Previous Image
Next Image

info heading

info content


 

A Polícia Militar de Meio Ambiente (PMMA) de Uberlândia resgatou nesta segunda-feira, 1º de agosto, animais silvestres em situação de risco. Os militares encontraram uma coruja, uma maritaca e um tamanduá-mirim na zona urbana da cidade e os espécimes foram levados para o Laboratório de Ensino e Pesquisa em Animais Silvestres da Universidade Federal de Uberlândia (LAPAS/UFU), para atendimento veterinário.

O tamanduá-mirim foi localizado em uma empresa no Bairro Distrito Industrial. O animal apareceu no local de madrugada. Uma busca pela mãe do filhote também foi realizada, mas sem sucesso. O tamanduá não é agressivo, porém se acuado pode atacar para se defender. Ele não apresentava ferimentos.

As aves, uma coruja buraqueira e uma maritaca, estavam feridas. A coruja foi encontrada em via pública no Bairro Santa Mônica. A também estava caída em uma rua no Bairro Daniel Fonseca.

Uma moradora do Morada da Colina também acionou os militares ao encontrar uma coruja adulta morta próximo ao ninho. Já no interior do ninho, com auxílio de um “pinção”, foi retirada uma coruja filhote, também morta.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *