Atlético Uberlândia está pronto para enfrentar o Mamoré de Patos de Minas

mamoré jogoNão foi assim um coletivo. Mas que foi com todos os ingredientes de um apronto, isso foi. Menos as dimensões do campo. Catanoce reduziu o espaço entre os jogadores no chamado treino de aproximação. Acelerou o toque e cobrou a posse de bola. Ter a bola nos pés no campo do adversário. Resumindo, a dois dias da estreia um resumão da matéria da pré-temporada.

Para quem fez todas a lições o time está pronto. É essa a visão que o Alcir tem lá da zaga, depois de ter cumprido todas as etapas da fase de preparação.

O técnico Catanoce quer ainda um pouco mais para começar o módulo dois. Algo em torno de 20% do que falta para o treinador chegar à chamada definição de grupo. Números à parte, tá na cara. Nos gestos e na fala, que o professor está gostando do que está vendo.

Praticamente às vesperas da estreia, não é só isso que passa pela cabeça do treinador. Tão importante quanto conhecer o time que tem nas mãos, é conhecer o adversário. E quem é o Mamoré que vem para o jogo de estreia no Parque do Sabiá?

Por Carlos Vilela

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *