Morte no albergue – Investigações apontam que vítima e autor tinham caso homoafetivo

Morte no albergueA Polícia Civil de Monte Alegre de Minas abriu inquérito para apurar um caso de assassinato no albergue que fica no bairro Flamenguinho. O crime foi no dia 24 deste mês.

De acordo com a PC um jovem ainda não identificado foi asfixiado até a morte na noite de quinta-feira. O caso só foi descoberto na sexta, 25, quando o responsável pelo local achou suspeito o fato de o possível autor, que estava hospedado no mesmo quarto da vítima, sair e não voltar mais.

Os dois teriam se identificado no albergue como sendo pai e filho. No entanto existe a suspeita de que eles tivessem um relacionamento homoafetivo, segundo informou o delegado Luiz Antônio Minas, pois eles dormiam na mesma cama.

O suspeito ainda é procurado pela polícia.

“Ele tem 1,80m de altura, branco, aproximadamente 120 kg, tem os dois braços tatuados, uma tatuagem com o nome de Cauan nas costas, apenas três dedos na mão direita e uma deficiência na perna direita que compromete a locomoção.”

André Silva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *